Página 1 dos resultados de 17 itens digitais encontrados em 0.001 segundos

Uso do plasma spray dried na dieta de suínos para prevenção da circovirose suína e doenças associadas; The use of plasma spray dried in the prevention of porcine circovirus and associated diseases

Rangel, Luís Fernando Sarmento
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 02/03/2009 Português
Relevância na Pesquisa
49.299062%
O trabalho foi realizado em granja com histórico de ocorrência de Circovirose Suína e Doenças Associadas - PCVAD maior que 5%. Foram utilizados 560 leitões na fase de creche (25 - 66 dias de idade) e 468 no início de crescimento (66 - 94 dias de idade), em experimento delineado em blocos ao acaso, com dois tratamentos e 9 repetições por tratamento na creche e 18 repetições no crescimento. Os tratamentos: Plasma - os leitões foram alimentados com rações contendo plasma (AP 920®) conforme segue: 6,0% na ração pré-inicial I (15 dias); 3,0% na ração pré-inicial II (13 dias); 1,5% de na ração inicial (14 dias); e 1,0% na ração de crescimento I (14 dias), seguindo-se por mais 14 dias com a mesma ração sem plasma. Controle: os leitões foram alimentados com as mesmas rações, porém sem plasma. As rações utilizadas foram formuladas para satisfazer as necessidades nutricionais dos leitões. As variáveis avaliadas: ganho de peso, consumo de ração, conversão alimentar, ocorrência da PCVAD, taxa de mortalidade pela PCVAD e anticorpos anti-PCV2. Houve diferença significativa (P<0,05) no peso dos leitões e no ganho de peso diário em todas as medidas realizadas na fase de creche. A diferença de peso no final da creche foi de 1...

Aspectos clínicos e patológicos da circovirose suína no Rio Grande do Sul.

Corrêa, André Mendes Ribeiro
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
59.87814%
Este estudo incluiu 523 suínos, entre três e quatro meses de idade, com sinais clínicos sugestivos de circovirose. A maioria (471) desses animais foi recebida viva no Setor de Patologia Veterinária – SPV/UFRGS, onde foram avaliados clinicamente, eutanasiados e necropsiados. Os principais sinais observados foram caquexia, crostas eritematosas circulares na pele, alterações articulares, palidez ou icterícia de mucosas, diarréia, sinais respiratórios e sinais nervosos. Os principais achados macroscópicos foram linfadenomegalia, pulmões não colapsados, consolidações pulmonares, hiperqueratose do quadrilátero esofágico, esplenomegalia, rins pálidos ou amarelados com pontos brancos, ascite, hidropericárdio e hidrotórax. Fragmentos de pele, linfonodo inguinal, linfonodo mesentérico, tonsila, baço, íleo, cólon, fígado, rim, pulmão, coração e cérebro foram coletados e processados convencionalmente para histologia. As principais alterações microscópicas incluíram infiltrado linfoistiocitário e depleção centrofolicular em órgãos linfóides, infiltrado linfoistiocitário nos intestinos, pneumonia intersticial, hepatite portal mononuclear, nefrite intersticial e hiperplasia centrofolicular, edema e dilatação de vasos linfáticos dos intestinos e linfonodos. Amostras de cólon e íleo de 111 suínos que apresentavam conteúdo de consistência fluida foram coletadas e processadas para bacteriologia. Em 27 desses animais foram detectados agentes bacterianos patogênicos. E. coli foi o mais prevalente...

Relação entre otites bacterianas e infecção pelo circovírus tipo 2 (PCV2) em suínos.; Relationship between bacterial otitis and porcine circovirus type 2 (PCV2) infection in pigs

Asanome, William
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
28.126592%
A Síndrome Multissistêmica do Definhamento do Suíno (SMDS) é uma doença emergente e mundialmente distribuída, que tem trazido sérios prejuízos econômicos para a indústria suinícola. O Circovírus Suíno tipo 2 (PCV2), agente causal da doença, provoca lesões principalmente nos tecidos linfóides, e sugere-se que produza imunossupressão, predispondo o hospedeiro a infecções virais, bacterianas e fúngicas secundárias. Neste trabalho, é descrito um estudo da prevalência e bacteriologia das otites purulentas em suínos apresentando a SMDS, bem como em animais de baixo desenvolvimento e de crescimento normal. No total, foram examinados 385 suínos com idades entre 60 e 130 dias. De 242 animais com a SMDS, 57 (23,5%) apresentaram lesões purulentas no ouvido médio. Dentre 119 animais de baixo desenvolvimento, apenas 1 (0,7%) apresentou a lesão. Não foram detectadas lesões macroscópicas no ouvido médio dos 24 animais com crescimento normal (controles). Os agentes isolados com maior freqüência das lesões foram Arcanobacterium pyogenes, Streptococcus α– hemolíticos e Pasteurella multocida, encontrados em, respectivamente, 37 (43%), 32 (37,2%) e 24 (27,9%) dos 86 ouvidos submetidos à bacteriologia. A alta prevalência de lesões purulentas no ouvido médio de animais com a SMDS sugere que a infecção pelo PCV2 pode tornar o suíno mais suscetível às otites bacterianas. Por outro lado...

Detecção de possíveis agentes virais associados à circovirose suína.; Detection of possible viral agents associated with postweaning multisystemic wasting syndrome

Teixeira, Thais Fumaco
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
49.299062%
O Circovirus suíno tipo 2 (PCV2) é um vírus ubíquo que tem sido associado a um número de síndromes em suínos. Entre elas, a Síndrome Multissistêmica do Definhamento dos Suínos (SMDS) tornou-se uma das principais causas de perdas econômicas na suinocultura nacional. No entanto, existe incerteza se o PCV2 é, de fato, o único agente responsável por esse quadro, essencialmente porque a administração isolada do vírus a animais suscetíveis não tem sido capaz de reproduzir experimentalmente a síndrome. Em vista disso, um número de outros agentes infecciosos (e não infecciosos) tem sido examinados e sua potencial participação no desenvolvimento da SMDS tem sido pesquisada. No presente estudo foram realizados experimentos visando determinar se outro(s) agente(s) com genoma de DNA circular poderia(m) desempenhar algum papel no desenvolvimento da SMDS. Para tanto, a técnica denominada “amplificação por círculo rolante com múltiplos primers” (ACRMP) foi empregada. A ACRMP é baseada na atividade da DNA polimerase do fago phi29, uma enzima capaz de sintetizar novas moléculas de DNA a partir de um molde de DNA circular. Numa segunda etapa, o DNA amplificado é clivado com enzimas de restrição, ocasionando a linearização de grande quantidade de cópias do DNA alvo original. Como a ACRMP é realizada com primers aleatórios...

Caracterização de amostras de pasteurella multocida isoladas de lesões pneumônicas associadas ou não com circovirose em suínos

Heres, Tiago da Silva
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
49.65754%
A Pasteurella multocida é o agente causador da pasteurelose pulmonar dos suínos, sendo comum a ocorrência dessa infecção associada com o Mycoplasma hyopneumoniae no curso da pneumonia enzoótica. O agente é encontrado em pulmões de várias espécies animais e no homem. A infecção de suínos com o circovírus suíno tipo 2 (PCV2) causa uma forma de infecção sistêmica com profundos efeitos no sistema linfóide, causando prejuízos aos processos normais de defesa e facilitando a instalação de infecções secundárias, incluindo a pneumonia enzoótica complicada pela Pasteurella multocida. O objetivo deste trabalho foi isolar e caracterizar amostras de P. multocida obtidas de suínos com sinais clínicos compatíveis com os da circovirose e de animais de frigorífico quanto ao seu perfil bioquímico, capsular e sensibilidade a antimicrobianos. Foram utilizados 453 materiais (pulmões e suabes das lesões pulmonares), resultando em 115 isolados bacterianos de 79 pulmões. Paralelamente, procurou-se avaliar a eficiência do isolamento da bactéria a partir de dois sítios de amostragem no pulmão: do exsudato bronquial e da superfície de corte pulmonar. Numa amostragem dos casos, procurou-se estabelecer a relação entre a infecção com PCV2 e as lesões pulmonares induzidas pela P. multocida. Numa análise do grau de pneumonia foram classificadas 38 lesões como leves...

Desenvolvimento de uma vacina recombinante para circovirose suína e ensaios para diagnóstico molecular de PCV2; Development of a recombinant vaccine for porcine circovirus associated disease and molecular assays to detect PCV2

Dezen, Diogenes
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
49.299062%
O circovírus suíno tipo 2 (PCV2) é o principal agente da síndrome multissistêmica do definhamento do suíno (SMDS), uma doença mundialmente disseminada e que provoca perdas econômicas significativas para a suinocultura. Visando contribuir no diagnóstico da síndrome, o presente trabalho padronizou e comparou testes para a detecção do PCV2. Para isso, foram utilizadas as técnicas de amplificação por círculo rolante (ACR) e variações da PCR (convencional, tempo-real e competitiva). Utilizando a ACR foi possível obter a amplificação total de genomas do PCV2, os quais foram clonados, sequenciados e agrupados no genótipo PCV2b. Os genomas clonados foram isolados, recircularizados e transfectados em células PK-15. Este procedimento possibilitou a recuperação do vírus infeccioso em títulos de até 105,55 DICC50/mL. Portanto, a ACR foi uma ferramenta útil em estratégias de isolamento e sequenciamento do vírus. No entanto, a ACR foi menos sensível que a PCR para fins de detecção do PCV2. No segundo estudo, buscando métodos auxiliares no diagnóstico da SMDS, dois ensaios para a quantificação do PCV2 foram desenvolvidos. Estes ensaios foram baseados nas técnicas de PCR competitivo (cPCR) e de PCR em tempo real. Visando determinar qual seria o mais adequado para estimar a carga viral do PCV2...

Achados histológicos e imunoistoquímica de casos de circovirose suína diagnosticados no SPV-UFRGS

Bandarra, Paulo Mota; Corrêa, André Mendes Ribeiro; Pescador, Caroline Argenta; Schmitz, Milene; Zlotowski, Priscila; Barcellos, David Emilio Santos Neves de
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
28.126592%

Circovirose em javalis (sus scrofa) no Brasil

Borba, Mauro Riegert; Corrêa, André Mendes Ribeiro; Pedroso, Pedro Miguel Ocampos; Lutier, Djeison Raymundo; Oliveira, Eduardo Conceição de; Guagnini, Fábio de Souza; Emmel, Xenia Erichsen
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
38.810952%

Candidíase mucocutânea associada à circovirose suína

Emmel, Xenia Erichsen; Zlotowski, Priscila; Ferreiro, Laerte; Sanches, Edna Maria; Barcellos, David Emilio Santos Neves de; Schmitz, Milene; Corrêa, André Mendes Ribeiro
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
49.299062%

Síndrome da dermatite e nefropatia associada a circovirose suína no oeste de Santa Catarina

Freitas, Marcos Grazziotin Cardoso de; Schmitz, Milene; Corrêa, André Mendes Ribeiro; Pescador, Caroline Argenta
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
28.126592%

Surto de Circovirose (síndrome definhante multissistêmica de suínos desmamados) no estado do Rio de Janeiro; Outbreak of Circovirosis (Porcine Postweaning Multisystemic Wasting Syndrome) in the state of Rio de Janeiro, Brazil

França, Taciana do Nascimento; Peixoto, Paulo Vargas; Brito, Marilene F.; Mores, Nelson; Zanella, Janice; Driemeier, David
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
38.810952%
Descreve-se o primeiro surto de Síndrome Definhante Multissistêmica de Suínos Desmamados (SDMSD) na Região Sudeste do Brasil, no estado do Rio de Janeiro. A enfermidade que afetou principalmente suínos desmamados com idade em torno de 4 meses, levou a morte pelo menos 14 animais. A granja onde o surto ocorreu, tinha péssimas condições sanitárias e de manejo. Clinicamente, a doença caracterizou-se por má condição corporal, pouco desenvolvimento, tosse, taquipnéia, dispnéia, diarréia, ataxia, tremores após estímulo, decúbito e convulsões, com evolução aguda a subaguda. À necropsia, os achados mais importantes foram um aumento de volume de linfonodos e pulmões não-colapsados, com áreas consolidadas, principalmente nos lobos craniais e porção anterior dos lobos médios. O exame histológico revelou, com maior freqüência, infiltração linfohistiocítica com células sinciciais em linfonodos, baço, placas de Peyer, rim, pulmão e fígado, depleção ou hiperplasia linfóide, bem como pneumonia bronco-intersticial linfo-histiocitária e áreas de broncopneumonia secundária. O diagnóstico firmouse pela observação dos sintomas e das lesões histológicas típicas e foi confirmado por exame imunohistoquímico e PCR. O estudo teve por objetivo caracterizar os aspectos epidemiológico e clínico- patológico desse surto...

Quantificação do circovírus suíno e sua correlação com o ganho de peso de leitões

Cruz, Taís Fukuta
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 70 f.
Português
Relevância na Pesquisa
28.126592%
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP); Pós-graduação em Medicina Veterinária - FMVZ; Vários estudos têm demonstrado a associação entre a maior concentração viral do circovírus suíno tipo 2 (PCV2) detectado por PCR quantitativa com o desenvolvimento de lesões microscópicas típicas da Síndrome da circovirose suína (SCS). Clinicamente, a SCS é caracterizada principalmente pelo emagrecimento progressivo, acompanhado de dispnéia, aumento de tamanho dos linfonodos, palidez e/ou icterícia das mucosas. A diminuição na taxa de crescimento dos leitões acometidos com a síndrome provoca grave prejuízo econômico para o produtor, o que torna a SCS uma das doenças mais importantes para a suinocultura. Assim, com o objetivo de comparar a concentração viral relativa do circovírus suíno (PCV) com o ganho de peso de leitões provenientes de uma granja comercial com SCS, amostras de sangue total, soro e swab nasal foram analisadas por PCR em tempo real com SYBR® Green I e PCR para o circovírus suíno tipo 1 (PCV1), sendo posteriormente, comparadas entre si para determinação de qual amostra seria mais apropriada para a utilização na PCR em tempo real com SYBR® Green I. Foram colhidas 128 amostras de sangue total...

Patologias mais relevantes nos suínos criados em sistemas de produção intensiva no concelho de Leiria

Carreira, Lara Cristina Ferreira
Fonte: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária Publicador: Universidade Técnica de Lisboa. Faculdade de Medicina Veterinária
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em 04/07/2011 Português
Relevância na Pesquisa
18.126592%
Dissertação de Mestrado Integrado em Medicina Veterinária; A carne de porco é uma das carnes mais consumidas do mundo, com evidências de pecuária suína que datam de 5000 a.C.. Na União Europeia produz-se 17,8 milhões de toneladas de carne de porco por ano, detendo o segundo lugar a nível mundial, depois da China. Os sistemas de gestão agrícola dominantes baseiam-se na produção intensiva e numa alimentação constituída por rações. A maior produção de suínos em Portugal encontra-se na região de Lisboa e Vale do Tejo. O sistema intensivo tem como base bons reprodutores, um óptimo ambiente e boas técnicas de maneio. A sanidade e a saúde são pilares de sustentação da produção intensiva de suínos, uma vez que tem como objectivo a diminuição dos riscos e dos custos, e portanto, exige medidas, entre outras, de biossegurança, programas de vacinação, medicações profilácticas, programas de limpeza e desinfecção. As monitorizações sanitárias são uma forma de constatar, qualificar e quantificar o nível sanitário das populações de suínos para determinada doença ou infecção. As doenças causadas por endoparasitas e ectoparasitas merecem grande atenção, pois são responsáveis por grandes perdas anuais em suiniculturas. Neste trabalho foram estudados suínos criados em regime intensivo em várias explorações do concelho de Leiria...

Circovirose suína

França,Ticiana do Nascimento; Ribeiro,Carlos Torres; Cunha,Bernardo Melo da; Peixoto,Paulo Vargas
Fonte: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Publicador: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2005 Português
Relevância na Pesquisa
49.299062%
Por meio de revisão da literatura pertinente foram coligidos e são apresentados os principais dados relativos aos aspectos epidemiológicos, clínicos, anátomo e histopatológicos observados na infecção por Circovírus Porcino tipo 2 (PCV-2) em suínos. São abordados a Síndrome Definhante Multissistêmica dos Suínos Desmamados (SDMDS), o Tremor Congênito Suíno (TCS), a Síndrome da Nefropatia e Dermatite Porcina (SNDP), bem como outras enfermidades associadas ou correlatas, a Síndrome Respiratória e Reprodutiva Porcina (SRRP), a Pneumonia Necrotizante Proliferativa (PNP) e as falhas reprodutivas. Uma vez que a SDMSD já foi registrada na Região Sul do Brasil e no Estado do Rio de Janeiro esse estudo objetiva chamar a atenção para o especial significado dessa virose para a suinocultura brasileira, em função dos prejuízos econômicos por ela determinados.

Aspectos clínico-patológicos associados à circovirose suína no Rio Grande do Sul

Corrêa,André Mendes Ribeiro; Pescador,Caroline Argenta; Schmitz,Milene; Zlotowsk,Priscila; Rozza,Daniela Bernadete; Oliveira,Eduardo Conceição de; Barcellos,David Emilio; Driemeier,David
Fonte: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) Publicador: Colégio Brasileiro de Patologia Animal - CBPA; Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/03/2006 Português
Relevância na Pesquisa
28.126592%
No período de janeiro a julho de 2004, foram realizadas 97 necropsias de suínos que apresentaram subdesenvolvimento, aumento generalizado de linfonodos, palidez ou icterícia de mucosas e, ocasionalmente, problemas respiratórios. As principais lesões macroscópicas encontradas incluíram aumento generalizado de linfonodos, pulmões não colapsados com bordos arredondados e áreas de consolidação, especialmente crânio-ventrais, além de edema de septos interlobulares. Os rins estavam pálidos, aumentados de volume e com pontos brancos que, difusamente distribuídos na superfície, infiltravam em forma de estrias até a zona cortical. Alguns apresentavam pequenos pontos vermelhos, semelhantes a petéquias, difusamente distribuídos no córtex renal. O achado histológico comum foi a presença, em graus variáveis, de infiltrados linfo-histiocitários em linfonodos, pulmões e rins. O teste imuno-histoquímico utilizando anticorpo policlonal anti-circovírus suíno tipo 2 foi positivo em amostras provenientes de 50 (89,2%) entre 56 suínos examinados.

Desenvolvimento e implantação de diagnóstico de patógenos causadores de falhas reprodutivas em fêmeas suínas associadas a síndrome da circovirose suína.

MORES, N.; ROCHA, C. S.; RITTERBUSCH, G. A.; LIMA, E. S. de; BORDIN, L. C.; AMARAL, A. L. do; COLDEBELLA, A.; ZANELLA, J. R. C.
Fonte: In: COLDEBELLA, A.; SCHEUERMANN, G. N. (Ed.). Relatório de projetos concluídos 2011. Concórdia: Embrapa Suínos e Aves, 2012. p. 71-92. Publicador: In: COLDEBELLA, A.; SCHEUERMANN, G. N. (Ed.). Relatório de projetos concluídos 2011. Concórdia: Embrapa Suínos e Aves, 2012. p. 71-92.
Tipo: Capítulo em livro técnico-científico (ALICE)
Português
Relevância na Pesquisa
38.810952%
2012; Projeto/Plano de Ação: 03.07.05.019.

Diagnóstico da circovirose suína em criações intensivas no Estado de Goiás; Diagnosis of swine circovirose intensive farms in the State of Goias

SALES, Tatyane Penha
Fonte: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Ciência Animal; Ciências Agrárias - Veterinaria Publicador: Universidade Federal de Goiás; BR; UFG; Mestrado em Ciência Animal; Ciências Agrárias - Veterinaria
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
39.539468%
Circovirosis, a disease associated to porcine circovirus 2 (PCV2), has been clinically reported as postweaning multisystemic wasting syndrome (PMWS), porcine dermatitis and nephropathy syndrome (PDNS) and other diseases presenting reproductive, respiratory and digestive clinical manifestations. Such diseases are considered emergent and economically important for the pig industry. This study aimed to identify the agent and characterize the clinical, gross and microscopic changes of circovirosis in pig intensive production farms in the state of Goiás, Brazil. For that purpose, 20 pigs with clinical signs of circovirosis from six farms were used. After clinical examination, the pigs were slaughtered, submitted to gross inspection and samples from the spleen, kidneys, lungs, liver and lymph nodes were collected for microscopic analysis and PCV2 identification by PCR. Microscopic changes typical of PCV2 infection were found. PCV2 DNA was identified in all tested animals; however, when compared to clinical signs and gross findings data, only 16 of 20 pigs showed signs of circovirosis. Taken together, the data may support a routine protocol of circovirosis identification and prevention in the state of Goias.; A circovirose, causada por circovírus suíno tipo 2 (PCV2)...