Página 1 dos resultados de 9483 itens digitais encontrados em 0.004 segundos

Utilização do computador em contexto escolar por alunos do 4º ano: representações e atitudes (um estudo efectuado em duas escolas do Ensino Básico da Ilha da Madeira)

Carvalho, Ermelinda Santos
Fonte: Universidade da Madeira Publicador: Universidade da Madeira
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.812366%
A presente investigação visa perceber como os alunos de três turmas de 4º ano, de duas escolas da Ilha da Madeira, experienciam o uso do computador em contexto escolar e se esse uso, à luz das novas teorias da aprendizagem, promove alguma inovação em termos pedagógicos. Por termos resolvido abordar o problema indo ao encontro do sentir dos alunos,focámo-nos nas suas representações e atitudes, para captarmos relacionamentos específicos na utilização das ferramentas de informação e comunicação, associadas ao computador e outros tipos de software didáctico/educativo. Tivemos como sustentáculo o ponto de vista segundo o qual as crianças de hoje estão modificadas, consequência da evolução tecnológica, por sua vez as pessoas sujeitas à acção educativa estão a mudar as suas práticas. Este é um estudo exploratório, no qual utilizámos uma metodologia do tipo descritivo, que se enquadra no paradigma interpretativo da investigação qualitativa, baseada numa análise de conteúdo temática. Recorremos à utilização de técnicas de natureza qualitativa aplicada (observação naturalista, observação participante, entrevista directiva e semi-directiva). Os resultados obtidos mostram que há aspectos de natureza pessoal (educação dos alunos) e contextuais (relativos à escola) associados a diferenças na utilização do computador. Destes destaca-se o contexto da escola...

O Computador na Aprendizagem da Leitura em Crianças com Síndrome de Down

Ferreira, Filomena Damil
Fonte: [s.n.] Publicador: [s.n.]
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.846138%
Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Ciências da Educação: Educação Especial, área de especialização em Domínio Cognitivo e Motor; O presente trabalho1 foi realizado no âmbito do Mestrado em Ciências da Educação: Educação Especial e tem por objetivo verificar se o uso do software2 “Aprender a Ler com a Mimocas”, associado ao computador, influencia a aprendizagem da leitura em crianças com Trissomia 21. A opção deste tema prende-se com o gosto e apetência pessoal para as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), em particular o computador, uma vez que, cada vez mais, este é um meio atrativo de aprendizagem para quase todas as crianças. A falta de estudos significativos nesta área, e concretamente com crianças com Necessidades Educativas Especiais levou a uma grande curiosidade e pesquisa mais aprofundada para dar continuidade a este trabalho. Através de um estudo quase-experimental, tentou-se analisar se o uso do software, anteriormente mencionado, influencia a aprendizagem da leitura em crianças com Trissomia 21, e se existe, de facto, uma relação entre computador-software e aprendizagem da leitura em crianças com Trissomia 21. Paralelamente efetuou-se...

Patentes de Software: Sobre a Patenteabilidade dos Programas de Computador

PEREIRA, Alexandre Libório Dias
Fonte: APDI / Almedina Publicador: APDI / Almedina
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
36.812366%
§ 1. A Convenção de Munique (1973). § 2. Consenso legal versus dissenso doutrinal. § 3. A adesão dos EUA à Convenção de Berna (1989) e a Directiva sobre programas de computador (1991). § 4. A descompilação. § 5. A “espinha dorsal” dos programas de computador e a sua insuficiente cobertura pelos direitos de autor: a dicotomia ideia-expressão. § 6. O Direito Português: (in)admissibilidade do cúmulo de direitos de autor e de patente. § 7. Os programas de computador, como tais, e as invenções relacionadas com programas de computador. § 8. A natureza híbrida dos programas de computador. § 9. A patenteabilidade dos algoritmos. § 10. Considerações reflexivas. § 11. Conclusão. Resenha Bibliográfica

Adaptação Transcultural para o Português e Validação do Maastricht Upper Extremity Questionnaire (MUEQ) para trabalhadores de escritório usuários de computador; Cross-Cultural Adaptation to Brazilian Portuguese and Validation of the Maastricht Upper Extremity Questionnaire (MUEQ) for computer office workers

Turci, Aline Mendonça
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 07/02/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.846138%
As principais desordens dos membros superiores e cervical (CANS - Complaints of arms, neck and shoulders) podem ser definidas como queixas musculoesqueléticas nas regiões de membro superior, ombro e pescoço não atribuídas a trauma agudo ou a desordens sistêmicas. Essas desordens são comuns entre trabalhadores usuários de computador. O Maastricht Upper Extremity Questionnaire (MUEQ) é uma das poucas ferramentas existentes na literatura para avaliação de risco ergonômico e psicossocial em trabalhadores, além da vantagem de ser específico para usuários de computador, porém não está validado no português-brasileiro. O objetivo deste trabalho foi realizar a adaptação transcultural para o português-brasileiro e validação do MUEQ em trabalhadores de escritório usuários de computador e verificar a prevalência das CANS na amostra recrutada. A tradução e adaptação transcultural seguiram as diretrizes do Consensus-based Standards for the selection of health status Measurement Instruments nos estágios: tradução, síntese, retrotradução, revisão pelo comitê de especialistas e pré-teste. Na etapa do teste da versão pré-final, foram aplicados 55 questionários em trabalhadores usuários de computador, que relataram dificuldades de compreensão abaixo do valor estipulado de 20%...

Dor cervical crônica  e postura em trabalhadores de escritório usuários de computador; Chronic neck pain and posture in computer office workers

Bragatto, Marcela Mendes
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 12/02/2015 Português
Relevância na Pesquisa
36.955447%
Introdução: A prevalência de disfunção musculoesquelética entre trabalhadores usuários de computador (TUC) pode variar entre 10 a 62% e os lugares mais acometidos são os membros superiores, pescoço, cabeça e a coluna vertebral. As queixas musculoesqueléticas nesses trabalhadores apresentam etiologia multifatorial e dentre as principais causas é possível citar aspectos posturais e fatores psicossociais. O Maastricht Upper Extremity Questionnaire (MUEQ-Br) é uma das poucas ferramentas existentes na literatura para avaliar aspectos ergonômicos e psicossociais relacionados ao trabalho com uso do computador. A dor cervical é a queixa musculoesquelética mais comum em trabalhadores de escritório usuários de computador. A coexistência entre dor cervical e disfunção temporomandibular (DTM) é comumente citada na literatura. A adoção da postura em anteriorização da cabeça para uso do computador pode estar associada ao aparecimento de sintomas orofaciais e cervicais. A posição sentada é a mais adotada nos ambientes de trabalho especialmente quando este envolve o uso de computador, entretanto, a manutenção dessa posição por tempo prolongado pode acarretar a adoção de posturas inadequadas e intensificar a sobrecarga nas estruturas do sistema musculoesquelético. Desta forma...

Relação de flexão-relaxamento dos músculos cervicais e dor cervical crônica em trabalhadores de escritório usuários de computador; Flexion-relaxation ratio in neck muscles and chronic neck pain in office workers computer users

Pinheiro, Carina Ferreira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/04/2015 Português
Relevância na Pesquisa
36.930051%
A dor cervical é um problema musculoesquelético comum, cuja ocorrência é estimada em torno de 30-50% da população adulta em geral e também muito frequente entre os trabalhadores usuários de computador. A alteração no padrão de atividade muscular dos músculos flexores e extensores é uma das características da dor cervical, que nos usuários de computador parece estar associada à manutenção da postura sentada com anteriorização da cabeça ou flexão cervical. Dois fatores de análise importantes para avaliar déficits na atividade muscular são o fenômeno flexão-relaxamento (FFR) e a relação flexão-relaxamento (RFR). O objetivo principal deste estudo foi avaliar, através da eletromiografia de superfície, a ocorrência do FFR e mensurar a RFR nos músculos extensores da coluna cervical de trabalhadores usuários de computador com e sem dor cervical crônica e de indivíduos saudáveis, não usuários de computador. Foram avaliados 60 indivíduos, 20 usuários de computador com dor cervical crônica (GD), 20 usuários de computador sem dor cervical (GS) e 20 indivíduos saudáveis, não usuários de computador (GC). Os indivíduos responderam o Maastricht Upper Extremity Questionnaire (MUEQ-Br) e o Índice de Incapacidade Relacionada à dor no Pescoço (IIRP)...

Usuários e o computador : produção de sentidos de universitários mediados pelo uso do computador : por uma forma de olhar sistêmica

Souza, Karine Beschoren
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.812366%
O objeto de estudo deste trabalho: os sentidos produzidos na relação entre o usuário e o computador nos alunos em final de curso de graduação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul no ano de 2002/2, descrevendo e analisando esses sentidos e seus reflexos na Sociedade do Conhecimento. Foram descritas e analisadas algumas respostas da coleta sobre a relação entre o usuário e o computador, observadas através das emoções, aprendizagem e linguagem, quais foram as relações trazidas e a produção de sentidos decorrentes dessa relação como facilitadores ou não da apropriação ao uso da máquina, visando a possibilidade de constituição da Sociedade do Conhecimento. O enfoque teórico está baseado em Maturana para compreender e analisar os resultados desta pesquisa. Trata-se de uma forma de olhar para o sujeito e sua relação com o computador, através das emoções, aprendizagem e linguagem e suas influências diretas no viver de cada um.

Como a utilização do computador pode influenciar no processo de letramento?; The computer as a tool of the process of literacy facilitator

Jeck, Eliana de Pereira
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
36.812366%
Esta pesquisa tem como objetivo investigar como o computador pode influenciar no processo de letramento, investigação esta realizada no período do estágio curricular. Sua justificativa está baseada na importância do mundo letrado e no papel que as Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) podem cumprir neste contexto, possibilitando ao aluno desenvolver habilidades importantes nos processos de letramento. Para tornar concreto este estudo de observação, foram utilizados trabalhos realizados em aula pelos alunos do 3º ano, turma 33 da E.E.E. Fundamental Major Miguel José Pereira, buscando verificar como o uso do computador pode ser feito no processo de letramento. Neste trabalho foi desenvolvido um Projeto de Aprendizagem envolvendo gêneros textuais, tais como: poesia, parlendas, cartas, notícias, informes publicitários, receitas e convites. As atividades realizadas envolveram a produção de artefatos empregando linguagem não verbal, tal como imagens, desenhos e outros. Esta abordagem permitiu situar o aluno no meio que vive. Na busca de novas alternativas em termos de estratégia de ensino aprendizagem, foi proposta uma atividade que chamei “A Releitura de Van Gogh Digital”. Pode-se pontuar, a partir das análises realizadas...

Saúde visual no trabalho e a síndrome da visão do computador em professores universitários; Visual health at work and computer vision syndrome in university teachers

Adriana Paola Castillo Estepa
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 27/02/2014 Português
Relevância na Pesquisa
36.873286%
Introdução: Os computadores são parte da vida moderna e seu uso deles massificado; diariamente as pessoas passam várias horas diante de uma tela pelas diversas facilidades no trabalho, no lazer, na conectividade, entre outros. Ao mesmo tempo também trazem riscos à saúde de seus usuários, sendo descritos problemas psicológicos, problemas musculoesqueléticos e problemas visuais; estes últimos apresentam uma alta prevalência (50%-70%) e os sintomas visuais e oculares, que trazem incômodos para realização de atividades com o computador, reduzem a produtividade dos trabalhadores e diminuem a qualidade de vida dos usuários de computadores. Estes efeitos à saúde visual têm sido pouco estudados pela comunidade científica. Objetivos: Levantar a frequência de casos da Síndrome da Visão do Computador em professores universitários e identificar os fatores de risco associados à presença da CVS. Metodologia: Trata-se de estudo de tipo transversal observacional e participam professores de uma universidade pública do Estado de São Paulo; foram aplicados dois questionários, um versando sobre aspectos do trabalho e do uso de computadores e outro, sobre sintomas oculares e visuais. Além disso, foram realizados exames visuais. A coleta de dados foi feita entre os meses de Fevereiro a Dezembro de 2013 no campus da universidade. Critérios de Inclusão: Professores da universidade. Critérios de Exclusão: Professores que não usem o computador. Resultados: Em uma amostra de 53 professores a Síndrome da Visão do Computador foi encontrada em 30 professores...

A patenteabilidade das invenções que envolvem programas de computador nos Estados Unidos, União Européia e Brasil

Cavalcante, Milene Dantas
Fonte: Florianópolis, SC Publicador: Florianópolis, SC
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
36.895586%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Jurídicas. Programa de Pós-Graduação em Direito; A presente dissertação trata da patenteabilidade das invenções que envolvem programas de computador nos Estados Unidos, na União Européia e no Brasil. Tem-se como objetivo analisar se a patenteabilidade das invenções que envolvem programas de computador implica uma extensão do regime de proteção jurídica dos mesmos. Para tanto, utiliza-se como fonte de pesquisa as legislações nacionais e internacionais pertinentes ao assunto, doutrinadores brasileiros e estrangeiros, jurisprudências e as decisões dos institutos nacionais de patentes. O método utilizado é o dedutivo. Como resultado da presente pesquisa, chega-se à conclusão de que a patenteabilidade das invenções que envolvem programas de computador não implica uma extensão do regime jurídico dos programas de computador, uma vez que está expressamente previsto na legislação dos Estados Unidos, da União Européia e do Brasil que os programas de computador são protegidos como obras literárias pela legislação de direitos autorais, bem como os programas de computador como tais estão expressamente excluídos pela legislação patentária. Portanto...

Interesses das crianças na utilização autónoma do computador, em contexto escolar e familiar

Pires, Sónia Maria Barbosa
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 21/11/2009 Português
Relevância na Pesquisa
36.895586%
Dissertação de mestrado em Estudos da Criança (área de especialização em Tecnologias da Informação e Comunicação); As TIC são ferramentas chave da sociedade em que vivemos, a Sociedade de Informação. Embora a sua utilização nos mais diversos sectores da sociedade seja já uma realidade, nas salas de aula é ainda um privilégio de alguns docentes e alunos (Miranda, 2007). O computador, enquanto ferramenta multifuncional, pode promover ambientes educativos mais enriquecedores nas diferentes áreas curriculares, quando incluídos nas actividades lectivas pelos professores. Todavia, apesar desta relação confundir muitos pais (Papert, 1997), é sabido que o computador é alvo da curiosidade das crianças desde tenra idade, e que estas vêem nele uma fonte inesgotável de diversão e prazer. É no computador que as crianças procuram a resposta para as suas necessidades e uma ocupação para os tempos livres. Porém, o uso excessivo do computador (ou a sua utilização sem vigilância por parte dos adultos) pode trazer riscos para as crianças (Ponte e Vieira, 2007). Neste contexto, este estudo aborda a temática da integração das TIC no currículo escolar, tendo como objectivo fazer um levantamento dos interesses das crianças na utilização autónoma do computador...

Utilização e criação de micromundos de aprendizagem: uma estratégia de integração do computador no currículo do Ensino Secundário

Ramos, José Luís Pires
Fonte: Universidade de Évora Publicador: Universidade de Évora
Tipo: Tese de Doutorado
Português
Relevância na Pesquisa
36.846138%
"Sem resumo feito pelo autor"; Este estudo incide sobre a concepção, implementação e avaliação, em contexto de sala de aula, de uma estratégia pedagógica baseada em micromundos de aprendizagem e orientada para a integração do computador no currículo do ensino secundário. Sustenta-se que os processos de integração do computador, na Escola, no currículo e na aprendizagem, tal como definidos por Cornu, B.(1995) e Roblyer, M. D. (1997), entre outros, sendo processos morosos e complexos, dão origem a problemas educativos, para cuja solução poderá contribuir a Tecnologia Educativa, enquanto disciplina científica que adopta uma perspectiva baseada na racionalidade e na acção sistemática das intervenções propostas no terreno da Escola. Enquanto no plano teórico, a racionalidade das abordagens tecnológicas é construída equacionando os problemas a partir de suportes de natureza teórica (com o objectivo de apoiar decisões relativas às acções a desenvolver), no plano prático, o carácter sistemático é alcançado através da planificação e controlo das acções a implementar, sobre as unidades didácticas que fazem parte integrante dos programas das disciplinas escolares. Enquanto para o primeiro plano invocado podemos encontrar...

Física no computador: o computador como uma ferramenta no ensino e na aprendizagem das ciências físicas

Fiolhais,Carlos; Trindade,Jorge
Fonte: Sociedade Brasileira de Física Publicador: Sociedade Brasileira de Física
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2003 Português
Relevância na Pesquisa
36.846138%
São conhecidas as dificuldades que muitos alunos apresentam na compreensão dos fenômenos físicos. Entre as razões do insucesso na aprendizagem em Física são apontados métodos de ensino desajustados das teorias de aprendizagem mais recentes assim como falta de meios pedagógicos modernos. A necessidade de diversificar metodos para combater o insucesso escolar, que é particularmente nítido nas ciências exactas, conduziu ao uso crescente e diversificado do computador no ensino da Física. O computador oferece actualmente varias possibilidades para ajudar a resolver os problemas de insucesso das ciências em geral e da Física em particular. Neste trabalho, apresentamos uma breve resenha histórica da sua ascensão no ensino. Procuramos relacionar a aplicação do computador com avanços nas teorias de aprendizagem. Analisamos os principais modos de utilização do computador no ensino, desde as simulações até a realidade virtual, passando pela aquisição de dados em laboratório e pela Internet. Apesar do balanço da utilização dos computadores no ensino se revelar inegavelmente positivo, subsistem numerosos problemas por resolver. Com efeito, nao obstante as suas reconhecidas potencialidades, o computador nao se tornou a chave mágica do sucesso educativo. Discutimos algumas dessas dificuldades. O potencial pedagógico dos computadores são poderá ser plenamente realizado se estiverem disponíveis programas educativos de qualidade e se existir uma boa articulação deles com os currículos e a prática.

Uso de computador e ergonomia: um estudo sobre as escolas de ensino fundamental e médio de São Paulo

Rocha,Lys Esther; Casarotto,Raquel Aparecida; Sznelwar,Laerte
Fonte: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo Publicador: Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2003 Português
Relevância na Pesquisa
36.846138%
A utilização da informática como instrumento de ensino tem se disseminado na educação. Este estudo teve como objetivo verificar como o computador está sendo usado em escolas da região metropolitana de São Paulo, avaliando o grau de considerações sobre ergonomia na introdução dessa ferramenta. A ergonomia compreende o conjunto de conhecimentos científicos visando o conforto, segurança e eficácia dos produtos. Participaram 126 escolas, 37 delas do ensino fundamental, de 1ª à 4ª série, com 21.824 alunos; 49 escolas do ensino fundamental, de 5ªà 8ª série, com 29.851 alunos e 40 escolas do ensino médio com 31.516 alunos. A maioria das escolas informou utilizar o computador como ferramenta auxiliar das matérias curriculares a partir de 1995. O uso do computador predominou, no período de 5ª à 8ª série, nas escolas particulares; com um computador para cada 2 ou 3 alunos e com a duração semanal das aulas de até 1h59min. Nas salas de informática instaladas nas escolas, predominou a ausência de mesas e cadeiras com ajustes de altura para as características antropométricas dos alunos. As orientações sobre ergonomia da computação foram fornecidas em 30% das escolas. Na maioria das escolas não se observou queixa de desconforto visual ou muscular sofridos pelos alunos durante a utilização do computador. Esse fato pode estar relacionado ao pequeno número de horas de utilização do computador. Concluímos que a aquisição de mobiliário e equipamentos para as salas de informática deve incluir a consulta a banco de dados antropométricos e à percepção de conforto dos estudantes.

A inser??o do uso do computador no processo de modelagem matem?tica contribuindo para o aprendizado de conhecimentos matem?ticos

SILVA, M?rio Jos? Siqueira da
Fonte: Universidade Federal do Pará Publicador: Universidade Federal do Pará
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
36.873286%
Nesta pesquisa investigamos de que forma a inser??o do uso do computador e do portf?lio no processo de Modelagem Matem?tica, contribui para a aprendizagem de conhecimentos matem?ticos a partir das percep??es de alunos do ensino m?dio. Na busca de respostas a esta problem?tica, tra?ou-se como objetivo principal uma investiga??o ? inser??o do uso do computador no processo de Modelagem Matem?tica, com auxilio do portf?lio para o aprendizado deste processo. A abordagem da pesquisa foi qualitativa. Levantamos um referencial te?rico focando em especial pesquisadores da ?rea de Modelagem Matem?tica como: Biembengut e Hein (2007); Bassanezi (2006), Barbosa (2001, 2004, 2007); Borba e Penteado(2001); Ponte e Canavarro (1997) entre outros, e com alguns autores que abordam mais especificamente a inser??o de tecnologias na educa??o como: Valente (1993); Almeida (2000), Belloni (2005) entre outros. No entrela?amento das id?ias relacionaram-se os elementos (computador, Modelagem e portf?lio) para subsidiar um tratamento diferenciado do conhecimento matem?tico em busca de minimizar, por exemplo, os baixos ?ndices no Sistema de Avalia??o do Ensino B?sico (SAEB) dos alunos do ensino m?dio do Estado do Par? em Matem?tica. Sendo assim, foi necess?rio rever a forma atual de transposi??o do ensino dessa disciplina. O hist?rico da Modelagem ? descrito em algumas concep??es...

A influencia da altura da tela do computador na ocorrencia da dor cervical; The influency of screen height of computer in ocurrence of neck pain

Fernanda Albieri Marchi Lopes Roza
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 18/02/2008 Português
Relevância na Pesquisa
36.846138%
A literatura nacional e principalmente internacional consultada, apresenta muitos desacordos sobre a altura mais apropriada da tela do computador, em relação à altura dos olhos do operador, visando propiciar ao usuário, melhores condições de trabalho. Alguns autores, associações e organizações vinculadas à ergonomia sugerem que o topo da tela do computador deva estar na linha dos olhos do indivíduo ou levemente para baixo. Através do presente estudo pretende-se propor um novo posicionamento da tela do computador, visando um melhor posicionamento para a coluna cervical, de modo que sua curvatura fique a mais fisiológica possível; e analisar sua influência na sintomatologia da região cervical. O método utilizado constou de três etapas: (1) aplicação de um questionário sobre sintomas, utilizando uma escala analógica visual (1 a 10), na qual o indivíduo assinalou o seu nível de dor; em três regiões do corpo que mais o incomodava ao utilizar o computador; (2) a medição para determinar a altura dos seus olhos em relação à parte central da tela e (3) aplicação do mesmo questionário, após um período de 90 dias de observação, para que se pudesse avaliar a eficácia da intervenção em relação à dor...

A cobertura jornalística do computador "Magalhães" : um estudo dos semanários portugueses

Melro, Ana Isabel Gomes Gonçalves
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Publicado em //2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.895586%
Relatório de estágio de mestrado em Ciências da Comunicação - Informação e Jornalismo; O presente Relatório é elaborado no âmbito do estágio no projecto de investigação “Navegando com o ‘Magalhães’: Estudo sobre o Impacto dos Media Digitais nas Crianças” (PTDC/CCICOM/ 101381/2008), financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT). Este projecto tem como objecto principal de estudo o programa ‘e.escolinha’, lançado em 2008 pelo XVII governo liderado por José Sócrates, que permitiu o acesso a crianças do 1º ciclo do ensino básico ao computador ‘Magalhães’. Mais especificamente, o projecto visa, por um lado, compreender e analisar as políticas subjacentes à medida que enquadra a distribuição do computador e, por outro, analisar e compreender os usos e práticas que as crianças fazem do computador, dentro e fora das escolas. Tendo em conta que o computador ‘Magalhães’ foi alvo de uma atenção significativa por parte dos meios de comunicação social, que lançaram, deste modo, uma discussão intensa no espaço público em torno desta medida governamental, o presente Relatório tem como finalidade analisar a cobertura do computador ‘Magalhães’ por dois jornais semanários – Expresso e Sol. A partir da análise de conteúdo das notícias publicadas sobre o computador...

Orientación de la copa acetabular en cirugía asistida por computador versus técnica convencional en artroplastia de cadera

Daza Oñate, Cesar Rafael; Rodríguez Cervantes,Rubén Andrés
Fonte: Facultad de Medicina Publicador: Facultad de Medicina
Tipo: info:eu-repo/semantics/bachelorThesis; info:eu-repo/semantics/acceptedVersion Formato: application/pdf
Publicado em 13/01/2011 Português
Relevância na Pesquisa
36.846138%
Introducción: El éxito de la artroplastia total de cadera depende de la orientación del componente acetabular; como alternativa para su corrección se han generado diferentes herramientas quirúrgicas, una de ella se asienta en los sistemas de cirugía asistidos por computador, el cual corrige y perfecciona la orientación de la copa acetabular. Objetivo: Comparar la inclinación y la anteversión de la copa acetabular implantadas por técnica convencional versus la realizada por cirugía asistida por computador Materiales y Métodos: Estudio descriptivo de comparación de dos cohortes de pacientes. Se evaluaron pacientes sometidos a reemplazo total de cadera en hospital Santa Clara desde Enero del 2009 a Diciembre del 2009 determinando el ángulo de inclinación acetabular y la anteversión acetabular, según las medidas establecidas en radiografía convencional postoperatoria. Resultados: No se encontraron diferencias estadísticamente significativas en la comparación de las puntuaciones promedio en anteversión e inclinación acetabular cuando se realiza cirugía tradicional o con la tecnología de navegación por computador. Conclusiones: El uso de navegadores por computador en la cirugía de reemplazo de cadera es especialmente útil para ortopedistas en entrenamiento y para aquellas situaciones donde la posición de los componentes acetabulares pueda garantizar buen resultado a largo plazo; Purpose: The purpose of this study was to compare the effectiveness of computer assisted surgery versus the conventional technique regarding the orientation of the “acetabular” cup in the hip total arthroplastia. Materials and Methods: Descriptive study comparing two cohorts. The patients that have undergone complete hip replacement at the Santa Clara hospital between August 2008 and December 2009 will be evaluated...

Uso de computador e ergonomia: um estudo sobre as escolas de ensino fundamental e médio de São Paulo; Ergonomics and the use of computers: a study with primary and secondary in state of São Paulo

Rocha, Lys Esther; Casarotto, Raquel Aparecida; Sznelwar, Laerte
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/06/2003 Português
Relevância na Pesquisa
36.846138%
A utilização da informática como instrumento de ensino tem se disseminado na educação. Este estudo teve como objetivo verificar como o computador está sendo usado em escolas da região metropolitana de São Paulo, avaliando o grau de considerações sobre ergonomia na introdução dessa ferramenta. A ergonomia compreende o conjunto de conhecimentos científicos visando o conforto, segurança e eficácia dos produtos. Participaram 126 escolas, 37 delas do ensino fundamental, de 1ª à 4ª série, com 21.824 alunos; 49 escolas do ensino fundamental, de 5ªà 8ª série, com 29.851 alunos e 40 escolas do ensino médio com 31.516 alunos. A maioria das escolas informou utilizar o computador como ferramenta auxiliar das matérias curriculares a partir de 1995. O uso do computador predominou, no período de 5ª à 8ª série, nas escolas particulares; com um computador para cada 2 ou 3 alunos e com a duração semanal das aulas de até 1h59min. Nas salas de informática instaladas nas escolas, predominou a ausência de mesas e cadeiras com ajustes de altura para as características antropométricas dos alunos. As orientações sobre ergonomia da computação foram fornecidas em 30% das escolas. Na maioria das escolas não se observou queixa de desconforto visual ou muscular sofridos pelos alunos durante a utilização do computador. Esse fato pode estar relacionado ao pequeno número de horas de utilização do computador. Concluímos que a aquisição de mobiliário e equipamentos para as salas de informática deve incluir a consulta a banco de dados antropométricos e à percepção de conforto dos estudantes.; The use of computers as a teaching tool is becoming disseminated in education. The present study has as its purpose to investigate how computers are being used in schools within the metropolitan area of São Paulo...

Concepções de aprendizagem com o computador em estudantes universitários

Rebelo,Isabel; Duarte,António
Fonte: Associação Portuguesa de Psicologia (APP); Edições Colibri Publicador: Associação Portuguesa de Psicologia (APP); Edições Colibri
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2012 Português
Relevância na Pesquisa
36.91423%
Tendo como objectivo conhecer as representações dos estudantes sobre a aprendizagem mediada pelo computador, este estudo pretendeu testar a eventual replicação, no que toca à ideia do computador como meio de aprendizagem, das variantes da concepção de aprendizagem propostos pela perspectiva “fenomenográfica”, assim como revelar concepções possivelmente novas. Este estudo baseou­‑se em entrevistas semi­‑estruturadas centradas em quatro dimensões de análise das concepções de aprendizagem com o computador: dimensão referencial (o que é a aprendizagem com o computador); processual (como se aprende com o computador); contextual (onde se aprende com o computador) e dimensão funcional (para que se aprende com o computador). Os resultados derivaram de uma análise de conteúdo das respostas e revelaram alguma correspondência entre as concepções de aprendizagem com o computador e as concepções de aprendizagem em geral, conhecidas da investigação fenomenográfica (i.e. a aprendizagem enquanto acumulação de informação, enquanto compreensão ou enquanto obtenção de classificações). Estas concepções comportam variantes que o estudo permitiu diferenciar e que replicam ou inovam o leque de concepções de aprendizagem conhecido. Para além disso emergiu uma concepção nova...