Página 1 dos resultados de 711 itens digitais encontrados em 0.022 segundos

Definindo o projeto de vida familiar: a família na transição para o cuidado domiciliar da criança com necessidades especiais; Defining Family Life Project: family in transition to home care of child with special needs

Silveira, Aline Oliveira
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Tese de Doutorado Formato: application/pdf
Publicado em 13/09/2010 Português
Relevância na Pesquisa
99.80968%
A transição para o cuidado domiciliar de uma criança com necessidades especiais de saúde é um aspecto desejado e ao mesmo tempo desafiador por gerar mudanças definitivas na vida familiar. A presente pesquisa teve por objetivos compreender a experiência da família na transição para o cuidado domiciliar da criança com necessidades especiais de saúde e desenvolver um modelo teórico representativo dos padrões de interação familiar na transição para o domicílio. Trata-se de uma pesquisa qualitativa orientada pelo Interacionismo Simbólico, enquanto referencial teórico e pela Teoria Fundamentada nos Dados, como abordagem metodológica. A coleta de dados foi realizada através de entrevista em profundidade com onze famílias que estavam cuidando de suas crianças com necessidades especiais de saúde, em seu próprio domicílio. A compreensão teórica resultante da análise interpretativa permitiu a construção do modelo teórico DEFININDO O PROJETO DE VIDA FAMILIAR que integra os fenômenos PRESERVANDO A VIDA DA CRIANÇA e RESERVANDO A VIDA FAMILIAR representativos das decisões e das ações familiares que conduzem a diferentes padrões interacionais que refletem o modo de organização do sistema familiar na experiência de transição para o cuidado domiciliar da criança com necessidades especiais de saúde. O modelo teórico apresentado estaca as forças e as fragilidades que determinam os padrões de enfrentamento no sistema familiar.; Transition to home care of children with special health needs is a anted situation at the same time is a challenging for generating nquestionable changes in family life. This research aimed at nderstanding family's experience in the transition to home care of children with special health needs...

Serviços odontológicos oferecidos às crianças com necessidades especiais

Jung, Luciane Sibila
Fonte: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
110.2853%
No Brasil, há aproximadamente 24,5 milhões de pessoas portadoras de algum tipo de deficiência, onde não há políticas específicas que garantam o seu atendimento integral e igualitário. A odontologia para pacientes com necessidades especiais é uma especialidade reconhecida pelo Conselho Federal de Odontologia em 2001, que objetiva a capacitação do profissional e reconhecimento do paciente quanto a sua integridade física, psíquica e social. Este estudo consiste em uma revisão bibliográfica no tema “Serviços Odontológicos Oferecidos a Crianças com Necessidades Especiais” em que foram relatados alguns dos principais problemas apresentados na saúde oral dos menores especiais, dificuldades de acesso ao serviço, profissionais pouco qualificados para o atendimento odontológico a crianças especiais e também a falta de políticas de saúde pública para assegurar um atendimento qualificado. Os principais problemas encontrados foram o preconceito do profissional com essas crianças, pela sua falta de paciência e tolerância e pelo fato de que na maioria dos casos os profissionais nunca tiveram contato com essa situação durante a graduação. Também há desinformação dos pais e responsáveis pelas crianças quanto ao acompanhamento periódico...

Atividade física e desportiva em crianças com necessidades educativas especiais : inclusão, adaptações e bullying

Moreira, Dinis; Sousa, Hugo; Pereira, Isabel; Alves, N.; Sampaio, Pedro; Pereira, Beatriz Oliveira; Carvalho, Graça Simões de
Fonte: Universidade do Minho. Centro de Investigação em Estudos da Criança (CIEC) Publicador: Universidade do Minho. Centro de Investigação em Estudos da Criança (CIEC)
Tipo: Conferência ou Objeto de Conferência
Publicado em 19/07/2011 Português
Relevância na Pesquisa
109.66881%
Projeto de investigação; As motivações para o desenvolvimento do presente estudo surgem do interesse da temática da inclusão de crianças com necessidades especiais nas práticas de educação física regular das escolas públicas e compreender até que ponto os professores estão ligados ao fenómeno de inclusão e bullying. Identificaremos como os alunos se envolvem no bullying e quais os a conceitos de ética e de axiologia a aplicar como recurso às actividades desenvolvidas nas aulas de Educação Física.; Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) - unidade de investigação 317

Resiliência das famílias com crianças com necessidades de cuidados especiais

Oliveira, Cláudia
Fonte: Universidade da Beira Interior. Departamento de Psicologia e Educação Publicador: Universidade da Beira Interior. Departamento de Psicologia e Educação
Tipo: Parte de Livro
Publicado em //2010 Português
Relevância na Pesquisa
110.09238%
Uma das questões que tem emergido actualmente no seio da comunidade científica, nomeadamente entre os profissionais de saúde e da educação, é o facto de determinadas famílias, perante uma situação de adversidade, conseguirem ajustar-se e responder positivamente, enquanto outras nas mesmas circunstâncias, não terem recursos para tal. Neste âmbito, McCubbin (1996) e Patterson (2002) introduziram o conceito de resiliência definindo-a como um processo de adaptação a uma situação adversa. A criança com necessidades de cuidados especiais, e respectivas famílias, constituem uma população com necessidades específicas de longa duração, a nível de cuidados de saúde, educação e de suporte social. Whaley & Wong (2006) sugerem uma abordagem abrangente e a longo prazo destas famílias, muito para além do suporte à criança durante os períodos críticos do diagnóstico e das agudizações. As mesmas autoras consideram que o principal objectivo do trabalho com a família de uma criança com paralisia cerebral é apoiar a família na sua adaptação, promovendo o seu funcionamento máximo. A compreensão do processo de construção da resiliência das famílias com crianças com necessidades de cuidados especiais pode contribuir para um enfoque mais ajustado na concepção do processo de cuidados à criança e família.

Relatório de estágio

Fonseca, Vanda Lúcia Gomes da
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em /04/2012 Português
Relevância na Pesquisa
90.47541%
A Enfermagem de Saúde da Criança e do Jovem e os cuidados saúde deparam-se na atualidade com alguns desafios, dos quais se destaca o aumento de crianças com necessidades especiais de saúde. Este grupo de crianças necessita de cuidados especiais e contínuos de saúde, que são na sua maioria assegurados pelos pais. Os pais enquanto cuidadores informais podem experimentar desgaste físico e mental, isolamento social e desespero. A Esperança influencia positivamente a capacidade de lidar com a crise e a qualidade de vida. Enquanto foco de atenção para a Enfermagem relaciona-se com a confiança no futuro, capacidade de visionar possibilidades e de traçar objetivos. Existem fatores que podem promover a Esperança nos Pais, como por exemplo a espiritualidade, o suporte social, as caraterísticas pessoais e a evolução favorável do estado de saúde da criança. Reconhecendo a complexidade dos cuidados requeridos pelas Crianças com Necessidades Especiais de Saúde, as necessidades dos seus pais e a importância da Esperança nos cuidados de Enfermagem definiu-se enquanto objetivo central neste percurso de formação: “Contribuir para a promoção da Esperança nos pais de Crianças com Necessidades Especiais de Saúde na prestação de cuidados de enfermagem...

A Integração das TIC na Aprendizagem das Crianças com Necessidades Educativas Especiais: Um Estudo de Caso

Reis, Maria Gentil Alves Domingos
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
90.53716%
Dissertação de Mestrado em Educação Especial; Compreender e aceitar a diferença seria, no nosso entender, a solução para muitos dos problemas com que a Escola e a Humanidade hoje se deparam. Embora actualmente, com uma sociedade que tenta ser mais justa e solidária, esta realidade já se tenha de certa forma alterado, continuamos com o sentimento de que muito há ainda a fazer para aceitar e ajudar quem de alguma forma é diferente. As escolas recebem actualmente alunos com Necessidades Educativas Especiais, com o objectivo de as integrar e incluir neste novo espaço social, tentando adaptá-las e prepará-las para a vida e para a convivência com os outros, partilhando valor e experiência. Cabe então à Escola e aos Professores organizarem-se e movimentarem-se de forma a promoverem as melhores condições para acolher estes alunos, tentando responder às suas necessidades, capacidades e incapacidades, educando para um saber fazer criativo e participativo de todos e para a realização da pessoa enquanto agente de mudança. Com a realização deste trabalho pretendemos fazer um estudo de alguns aspectos relacionados com a aprendizagem das crianças com Necessidades Educativas Especiais, aplicar alguns exercícios e fichas...

As Tecnologias de Informação e Comunicação como facilitadoras das aprendizagens das crianças com necessidades educativas especiais

Lemos, Margarida Maria Vasconcelos Ribeiro Antunes
Fonte: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro Publicador: Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
90.49101%
Dissertação de Mestrado em Comunicação e Tecnologia Educativas; O presente trabalho de investigação tem como objectivo geral avaliar a eficácia das Tecnologias de Educação e Comunicação nas aprendizagens das crianças com Necessidades Educativas Especiais. Para isso, fizemos o estudo de caso de duas crianças com NEE (Necessidades Educativas Especiais), que no seu percurso escolar, já evidenciavam sinais de saturação de um ensino tradicional, nas suas aprendizagens. Para isso, foi necessário motivar estas crianças, e levá-las para uma aprendizagem mais lúdica, em que, sem darem conta, jogando aprendiam. Os instrumentos utilizados para a recolha de dados foram as conversas informais com os professores das turmas e os auxiliares de Acção Educativas, a Observação Participante e finalmente registos que eram feitos em grelhas de registo e avaliação. Os resultados obtidos a partir das análises das grelhas de observação permitem-nos afirmar que, na verdade, as TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação) são uma mais-valia para a aprendizagem das duas crianças em estudo, crianças com Necessidades Educativas Especiais. Os CDS utilizados proporcionam uma boa interacção entre as crianças e os jogos. As actividades...

Interação entre crianças com necessidades especiais em contexto lúdico: possibilidades de desenvolvimento

Souza,Carolina Molina Lucenti de; Batista,Cecilia Guarnieri
Fonte: Curso de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul Publicador: Curso de Pós-Graduação em Psicologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2008 Português
Relevância na Pesquisa
99.94149%
O trabalho discute o papel dos parceiros, em contexto lúdico, no processo de desenvolvimento da criança com necessidades especiais. Foram observadas, em situação de brincadeira, as interações entre crianças de 4-12 anos, com diagnóstico de deficiência visual (baixa visão ou cegueira), muitas com problemas orgânicos adicionais e dificuldades de aprendizagem. Foram selecionados episódios representativos das capacidades dessas crianças, e estes permitiram a identificação de dois grupos de categorias: (a) modos de brincar (individual ou em grupo); (b) modos de se relacionar (amistoso ou agonístico) das crianças. A análise dos dados indicou a importância da interação entre pares no processo de desenvolvimento das crianças com necessidades especiais e revelou a situação de brincadeira como espaço favorável para a construção dessas interações.

A transmissão do diagnóstico e de orientações pais de crianças com necessidades especiais: a questão da formação profissional

Höher,Síglia Pimentel; Wagner,Angélica Dotto Londero
Fonte: Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas Publicador: Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Pontifícia Universidade Católica de Campinas
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2006 Português
Relevância na Pesquisa
109.74214%
Quando nasce uma criança com necessidades especiais, o discurso dos profissionais da saúde, ao informar o conteúdo do diagnóstico e fornecer orientações, é de extrema importância. Trata-se de um momento significativo para os pais adquirirem capacidade de olhar para o "filho real" e não o idealizado, facilitando o processo de aceitação. O presente trabalho teve por meta apreender e analisar concepções de profissionais e estudantes da área da saúde (Medicina e Enfermagem) quanto à vivência e ao preparo para fornecerem diagnósticos e orientar pais de crianças com necessidades especiais. Utilizou-se como instrumento de coleta de dados um roteiro de entrevistas individuais, que foram transcritas e submetidas à técnica de análise de conteúdo, proposta por Bardin em 1977. As categorias obtidas na análise apontam que os profissionais da saúde entrevistados julgam que não se encontram tecnicamente preparados para informar o diagnóstico e orientar esse grupo de pais.

A adoção de crianças com necessidades especiais na perspectiva dos pais adotivos

Fonseca,Célia Maria Souto Maior de Souza; Santos,Carina Pessoa; Dias,Cristina Maria de Souza Brito
Fonte: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
99.89627%
Esta pesquisa teve por objetivo compreender, junto a pais adotivos de crianças com necessidades especiais, como percebem e vivenciam essas adoções. Estas são consideradas adoções necessárias, uma vez que são as menos procuradas pelos adotantes, o que conduz a reflexões acerca de qual seria o verdadeiro sentido da adoção: encontrar uma família para crianças abandonadas ou satisfazer os desejos de pessoas que decidem adotar. Utilizou-se um roteiro de entrevista com cinco mães e um pai. Após a transcrição, as entrevistas foram analisadas por temas. Os resultados mostraram a dedicação dos pais para com seus filhos; a força negativa dos preconceitos; a necessidade de apoio social aos pais. Conclui-se que as adoções estudadas estão ocorrendo a contento, o que sugere que a adoção de crianças com necessidades especiais pode proporcionar satisfação, em que pesem as dificuldades encontradas.

Estresse e suporte social em mães de crianças com necessidades especiais

Matsukura,Thelma Simões; Marturano,Edna Maria; Oishi,Jorge; Borasche,Graciele
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2007 Português
Relevância na Pesquisa
130.59833%
O objetivo do presente estudo foi avaliar a associação entre estresse e suporte social em mães de crianças com necessidades especiais e mães de crianças com desenvolvimento típico, em famílias de baixa renda. Trata-se de estudo quantitativo com 75 mães de crianças com idade entre quatro e 8 anos, com renda familiar de até quatro salários mínimos, alocadas em dois grupos: mães de crianças com desenvolvimento típico e mães de crianças com necessidades especiais. As participantes responderam ao Inventário de Sintoma de Stress e ao Questionário de Suporte Social. Os resultados indicaram, em ambos os grupos, elevada porcentagem de mães estressadas. Mães de crianças com necessidades especiais contam com um menor número de pessoas suportivas. Observou-se associação negativa entre stress e satisfação com o suporte social. Discute-se que o presente estudo confirma achados de pesquisas anteriores e identifica o papel do suporte social nos processos de adaptação familiar. A associação encontrada entre a satisfação com o suporte social e o estresse aponta para adequação de proposições e implantação de programas de intervenções em saúde para famílias de crianças com necessidades especiais.

Relacionamento intergeracional, práticas de apoio e cotidiano de famílias de crianças com necessidades especiais

Matsukura,Thelma Simões; Yamashiro,Juliana Archiza
Fonte: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE Publicador: Associação Brasileira de Pesquisadores em Educação Especial - ABPEE
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
130.05719%
O estudo exploratório, de abordagem qualitativa, objetivou investigar o relacionamento intergeracional e as práticas de apoio presentes no cotidiano de famílias de crianças com necessidades especiais. Participaram do estudo cinco mães, avós e irmãos mais velhos de crianças com deficiência, que responderam a roteiros de entrevistas semiestruturadas. As entrevistas foram analisadas qualitativamente por meio da técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Verificou-se que as avós apresentam-se como importante fonte de apoio à família ao dedicarem, inclusive, atenção e cuidado ao irmão da criança com necessidades especiais. O estudo revela um relacionamento intergeracional positivo entre avós e netos. Destaca-se a necessidade de direcionar maior atenção especializada a esses membros da família e para a continuidade de investigação sobre o tema.

Rotinas Familiares de Crianças com Necessidades Especiais em Família Adotiva

Silva,Fabíola Helena Oliveira Brandão; Cavalcante,Lilia Iêda Chaves
Fonte: Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília Publicador: Instituto de Psicologia, Universidade de Brasília
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/06/2015 Português
Relevância na Pesquisa
119.51859%
RESUMOObjetivou-se descrever as rotinas de três famílias, que adotaram crianças com necessidades especiais ,que tinham conhecimento prévio dessa condição infantil. Utilizou-se o método de Estudo de Casos Múltiplos. Os dados foram obtidos por meio de Entrevista Semiestruturada (ES), do Inventário de Rotina (IR) e do Diário de Campo (DC). Quanto às semelhanças entre os grupos familiares, identificou-se que são comuns as atividades de alimentação/higiene, descanso e lazer, envolvendo a participação dos pais, irmãs e babás, geralmente nos ambientes domésticos da família. Observou-se diferenças importantes nos padrões de atividades, companhias e ambientes onde as rotinas ocorriam. Conclui-se que as variações nas rotinas estão relacionadas às particularidades de cada criança, à estrutura e nível socioeconômico de cada família participante.

Oportunidades de parceria no cuidar de crianças com necessidades especiais de saúde : a perspetiva dos pais

Alves, João Manuel Nunes de Oliveira
Fonte: Universidade Católica Portuguesa Publicador: Universidade Católica Portuguesa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em 13/01/2015 Português
Relevância na Pesquisa
99.70709%
Introdução: O estudo foi desenvolvido sob a temática da parceria de cuidados. Esta define-se como um processo dinâmico, no qual pais e enfermeiros trabalham em conjunto, para dar resposta a objetivos comuns, que passam pela partilha de conhecimentos, experiência, cuidados à criança e poder de decidir sobre os mesmos. Numa perspetiva de conhecer o modelo em uso, estudado em populações que pelas suas características, reforçam a importância do mesmo, indagámos nos contextos de prática de prestação de cuidados de enfermagem, a parceria no cuidar de crianças com necessidades especiais de saúde (NES), na perspetiva dos pais. Procurámos especificamente as oportunidades de parceria e o significado deste conceito para os pais. Objetivos: Pretendemos compreender como é experienciada a parceria de cuidados, pelos pais de crianças com NES. Material e métodos: A investigação é de natureza qualitativa, descritiva e exploratória, utilizando-se como método a narrativa. A população correspondeu aos pais de crianças com NES, internadas num serviço de Medicina de um Hospital Pediátrico Central. A amostra populacional foi constituída por 10 pais de crianças com NES. A recolha de dados contemplou, a caracterização sociodemográfica e a entrevista de orientação etnobiográfica. Depois de transcritas...

Os tablets no suporte à exploração de histórias com crianças surdas : especificação e prototipagem da história interativa "O rato do campo e o rato da cidade"

Pereira, Diogo Miguel Magalhães
Fonte: Universidade de Aveiro Publicador: Universidade de Aveiro
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
100.31512%
A tecnologia teve um crescimento exponencial nas ultimas décadas em todos os sectores abrangidos pela sociedade em que vivemos. Novos dispositivos eletrónicos foram introduzidos no mercado, revolucionando os paradigmas de interação até agora conhecidos. Estes novos dispositivos ajustam-se também às faixas etárias mais novas, proporcionando-lhes oportunidades educativas mais envolventes. É, portanto, natural que crianças com necessidades educativas especiais sejam alvo de estudos e investigações neste campo, considerando que as suas especificidades orientam a criação de materiais educativos ajustados às suas limitações e considerando as suas capacidades. É fundamental aproveitar as constantes evoluções tecnológicas para o benefício daqueles que necessitam de materiais adequados às suas diferenças. Na presente investigação pretende-se dar mais um contributo para o estudo e desenvolvimento de materiais tecnológicos educativos para crianças com necessidades especiais, nomeadamente para crianças surdas. Através da conceção de uma aplicação para dispositivos tácteis, nomeadamente para tablets, e partindo de uma adaptação da história infantil “o Rato da campo e o Rato da cidade” foi prototipada uma aplicação...

As perceções das famílias de crianças com necessidades especiais sobre os benefícios da intervenção precoce: um estudo qualitativo com famílias de Braga; The perceptions of families of children with special Needs on the benefits of early intervention: a qualitative study in Braga

Pego, Carla Maria da Silva Mota
Fonte: Universidade do Minho Publicador: Universidade do Minho
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2014 Português
Relevância na Pesquisa
129.98587%
Dissertação de mestrado em Educação Especial (área de especialização em Intervenção Precoce); Uma vez que a aplicação do Decreto-Lei nº 281/2009 de 6 de outubro ainda é relativamente recente em Portugal e em particular no distrito de Braga, o presente estudo teve como principal objetivo, ouvir, compreender e analisar as perceções de famílias de crianças com Necessidades Especiais, acompanhadas por uma equipa de Intervenção Precoce, sobre os benefícios desta intervenção na nova moldura legal, que preconiza de uma forma clara o modelo das Práticas Centradas na Família. Utilizamos neste estudo uma metodologia de cariz qualitativo – Estudo de Caso. O nosso grupo de participantes foi constituído por quatro famílias acompanhadas há mais de seis meses por uma equipa de Intervenção Precoce a operar no distrito de Braga. Como instrumentos de recolha de dados, optámos pela aplicação de uma entrevista semiestruturada e de um instrumento de Avaliação das Práticas Centradas na Família - Escala das Práticas Centradas na Família de Dunst & Trivette. Embora este estudo não pretenda ser representativo, foi possível concluir que as famílias acompanhadas percecionam espontaneamente alguns dos benefícios da Intervenção Precoce referidos na literatura...

A adoção de crianças com necessidades especiais na perspectiva dos pais adotivos; Adopción de niños con necesidades especiales en la perspectiva de los padres adoptivos; The adoption of children with special needs in the perspective of foster parents

Fonseca, Célia Maria Souto Maior de Souza; Santos, Carina Pessoa; Dias, Cristina Maria de Souza Brito
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/12/2009 Português
Relevância na Pesquisa
99.89627%
Esta pesquisa teve por objetivo compreender, junto a pais adotivos de crianças com necessidades especiais, como percebem e vivenciam essas adoções. Estas são consideradas adoções necessárias, uma vez que são as menos procuradas pelos adotantes, o que conduz a reflexões acerca de qual seria o verdadeiro sentido da adoção: encontrar uma família para crianças abandonadas ou satisfazer os desejos de pessoas que decidem adotar. Utilizou-se um roteiro de entrevista com cinco mães e um pai. Após a transcrição, as entrevistas foram analisadas por temas. Os resultados mostraram a dedicação dos pais para com seus filhos; a força negativa dos preconceitos; a necessidade de apoio social aos pais. Conclui-se que as adoções estudadas estão ocorrendo a contento, o que sugere que a adoção de crianças com necessidades especiais pode proporcionar satisfação, em que pesem as dificuldades encontradas.; Este artículo tiene como objetivo comprender, a partir de los padres adoptivos de niños con necesidades especiales, como perciben y vivencian esas adopciones. Estas son consideradas adopciones necesarias pues son las menos buscadas por los adoptantes. Esto conduce a reflexiones sobre cuál sería el verdadero sentido de la adopción: encontrar una familia para los niños abandonados...

Análise qualitativa das percepções de cirurgiões-dentistas envolvidos nos atendimentos de pacientes com necessidades especiais de serviços públicos municipais; Qualitative analysis of dentists´ perceptions involved in patient care with special needs from municipal services

Fonseca, Alexandre Luiz Affonso; Azzalis, Ligia Ajaime; Fonseca, Fernando Luiz Affonso; Botazzo, Carlos
Fonte: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública Publicador: Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; ; ; ; ; Formato: application/pdf
Publicado em 01/08/2010 Português
Relevância na Pesquisa
100.2082%
O número de pessoas com necessidades especiais bem como as questões referentes ao atendimento desses pacientes e a partir da resolução 25/2002, publicada no Diário Oficial da União - D.O.U. - em 28/05/2002 pelo Conselho Federal de Odontologia, regulamenta a especialidade, com intenção de capacitar os cirurgiões-dentistas ao atendimento de pessoas que necessitam de cuidados odontológicos especiais durante toda a sua vida ou por um período. Um dos pontos levantados no atendimento a esses pacientes está a questão da integralidade de modo que essa seria a de compreender o paciente e propor atendê-lo por inteiro em suas necessidades de saúde. Assim, o objetivo é verificar as percepções dos cirurgiões-dentistas sobre o atendimento de crianças com necessidades especiais. Desta maneira, evidenciaram-se dificuldades desses profissionais em descrever as reais necessidades das crianças com necessidades especiais no tocante ao atendimento odontológico, tanto em nível do serviço de saúde público municipal, como nos quesitos de formação específica para o exercício profissional com esta população.; The large number of people with special needs as well as issues concerning the care of these patientsresulted in the Resolution 25/2002...

O papel do jogo no processo de inclusão de crianças com necessidades educativas especiais: alternativas no cotidiano escolar; The role of play in the process of inclusion of children with special educational needs: alternatives in daily schooling

Nunes, Ana Luiza Ruschel; UNEPG - Ponta Grossa - PR; Lemos, Helen Denise Daneres; UFMG - Minas Gerais - MG; Mendes, Rodrigo Cezar; UFSM - Santa Maria - RS
Fonte: Núcleo de Publicações do CED - UFSC Publicador: Núcleo de Publicações do CED - UFSC
Tipo: info:eu-repo/semantics/article; info:eu-repo/semantics/publishedVersion; Formato: application/pdf
Publicado em 25/04/2008 Português
Relevância na Pesquisa
90.64451%
Este artigo corresponde a um recorte das inúmeras reflexões obtidas com a investigação no projeto de pesquisa intitulado “Jogos e brinquedos para o desenvolvimento de crianças com necessidades especiais: as alternativas no cotidiano escolar para um trabalho de inclusão”, desenvolvido no período de 2001 a 2003. O objetivo principal foi investigar o significado do jogo no processo de inclusão de crianças com necessidades especiais nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Esta pesquisa justifica-se pelo impulso que estudos nessa área podem oferecer em relação à valorização do jogo como um recurso mediador da aprendizagem de crianças e do processo de inclusão dos alunos em nossas escolas. Assim, foram desenvolvidos estudos relacionados a questões como ludicidade, jogo, integração, inclusão, necessidades especiais e necessidades educativas especiais, formação inicial e continuada de professores e adotados autores como Sassaki (1997), Skliar (1999), Costa (2003), Rodrigues (2005), Ainscow (2001), Freitas (2005), Antunes (2002, 2004) e Huberman (1992). A metodologia é de abordagem qualitativa, em que realizamos estudos descritivos de natureza etnográfica, optando pelo estudo de caso, de forma a coletar o máximo de informações contextuais em âmbito pessoal...

Efeito da orientação domiciliar no desempenho funcional de crianças com necessidades especiais

Pavão,S.L.; Silva,F.P.S.; Rocha,N.A.C.
Fonte: Edições Desafio Singular Publicador: Edições Desafio Singular
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/01/2011 Português
Relevância na Pesquisa
100.22035%
Crianças com necessidades especiais apresentam disfunções neuro-sensório-motoras que limitam sua funcionalidade e participação social. Os cuidados dispensados pelos cuidadores a essas crianças podem reduzir essas limitações aumentando o grau de participação. O objetivo do presente estudo foi verificar o efeito da orientação domiciliar na funcionalidade de crianças com necessidades especiais em atividades de vida diária. Trinta e um cuidadores de crianças foram divididos aleatoriamente em dois grupos: Orientado (GO, n = 17) e Controle (GC, n = 14). Ambos os grupos foram submetidos ao PEDI (Pediatric Evaluation of Disability Inventory) no início do estudo e após três meses. Nesses três meses, o GO recebeu orientação domiciliar individualizada sobre banho, troca de roupas, alimentação e transporte da criança especial. A avaliação com o PEDI revelou aumento significativo nas pontuações do GO em auto-cuidado e função social na escala de habilidades funcionais, bem como em auto-cuidado na escala de assistência do cuidador. Sugere-se que a orientação domiciliar e individualizada a cuidadores seja eficaz para elevar o nível de funcionalidade de crianças com necessidades especiais em áreas de auto-cuidado e função social de acordo com o PEDI. Sendo...