Página 1 dos resultados de 21 itens digitais encontrados em 0.012 segundos

Violência moral no interior da escola: um estudo exploratório das representações do fenômeno sob a perspectiva de gênero.; Practices of moral violence inside school: an exploratory study of the representations of the phenomenon from the perspective of gender.

Pupo, Katia Regina
Fonte: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP Publicador: Biblioteca Digitais de Teses e Dissertações da USP
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 17/04/2007 Português
Relevância na Pesquisa
17.730273%
O presente trabalho investiga as representações que alunas e alunos têm sobre a violência moral, no contexto escolar. Entendemos violência moral como as pressões psicológicas presentes nas relações interpessoais entre os estudantes, que incluem as humilhações, xingamentos, as ameaças, a exclusão, as perseguições sistemáticas dentro de uma situação desigual, ainda que circunstancial, de poder. Há uma região de intersecção na acepção de violência moral que assumimos e os conceitos de incivilidade, micro-violências e bullying também abordados neste trabalho. No estudo dessas representações, buscamos compreender o universo das relações no interior da escola e, particularmente, das relações entre meninos e meninas em sua interface com o fenômeno da violência moral. Este trabalho utilizou como parâmetro de análise teórica e metodológica a Teoria dos Modelos Organizadores do Pensamento e foi desenvolvido em dois âmbitos diferentes e complementares: análise do referencial teórico e pesquisa de campo. Nossa amostra foi composta por noventa e seis adolescentes, sendo quarenta e oito meninas e quarenta e oito meninos, de 7ª série do Ensino Fundamental e do 2º ano do Ensino Médio, estudantes de uma escola pública e de uma escola privada...

Infância, gênero e estereótipos sexuais: análise do relato de mães de crianças de 4 a 6 anos

Reis, Kellen Cristina Florentino
Fonte: Universidade Estadual Paulista (UNESP) Publicador: Universidade Estadual Paulista (UNESP)
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 110 f. : il. + anexo
Português
Relevância na Pesquisa
28.558774%
Pós-graduação em Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem - FC; Questões de gênero são definidas por aspectos biológicos, psicológicos e sociais e se configuram culturalmente, de diferentes modos, em diferentes períodos históricos. Partindo da premissa que a construção social de gênero é influenciada pela educação sexual familiar, esta pesquisa, qualitativa-descritiva, tem por objetivo investigar os estereótipos de gênero a partir do relato de 25 mães de crianças de 4 a 6 anos. Para a coleta de dados foi utilizado um questionário e as respostas foram agrupadas a partir da análise de conteúdo em três categorias: 1) características atribuídas ao gênero, 2) vantagens e desvantagens e 3) concepções sobre a educação de meninos e meninas. Nos relatos, vários estereótipos de gênero foram identificados como características femininas: passividade, sensibilidade e emoção; e masculinas: razão, força, e objetividade. As vantagens atribuídas ao gênero foram, sobretudo, relacionadas aos aspectos sociais da vida privada e pública: ao feminino o cuidado de filhos e ao masculino, o mundo do trabalho. Concluí-se que os estereótipos sexuais são reproduzidos nas falas destas mães, seja pelas concepções pessoais sobre o feminino e o masculino...

Padrões normativos de gênero em livros infanto-juvenis sobre educação sexual

Oliveira, Amanda Guedes de; Pastana, Marcela; Maia, Ana Cláudia Bortolozzi
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 80-90
Português
Relevância na Pesquisa
17.730273%
The concept of gender is relational and refers to the the overcoming of the biological determinism, it has historical and cultural roots going beyond the anatomical differences between men and women. This documental research investigated patterns of sexuality and gender in sexual education books for children and teenagers. Ten books were analyzed, selected in bookstores websites. The content of the books and their illustrations show: 1) stereotypical and naturalized view of femininity and masculinity, 2) patterns of traditional and patriarchal families, 3) romanticized concept of marriage and reproduction, 4) stereotypes of beauty and "normal" body. It is concluded that sexual education books for children and teenagers reproduce normative standards that can stimulate a sexist education and should not be used in works of sexual education without critical reflection.; O conceito de gênero é relacional, problematiza a superação do determinismo biológico e tem raízes históricas e culturais indo além das diferenças anatômicas entre homens e mulheres. Esta pesquisa documental investigou padrões de sexualidade e gênero em livros de educação sexual infanto-juvenis. Foram analisados 10 livros, selecionados em sites de livrarias. Tanto o conteúdo dos livros como suas ilustrações mostram: 1) visão estereotipada e naturalizada da feminilidade e masculinidade...

Projeto de intervenção em educação sexual com educadoras e alunos de uma pré-escola

Maia, Ana Cláudia Bortolozzi; Pastana, Marcela; Pereira, Patricia Cristine; Spaziani, Raquel Baptista
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: 115-129
Português
Relevância na Pesquisa
27.730273%
Childhood sexuality is a polemic theme among pre-school educators. This text describes an extension project that aimed to observe the manifestation of children’s sexuality in a pre-school and to intervene by offering a space for dialogue, reflection and better understanding about childhood sexuality. The participants were seven teachers and whole group of children from a selected pre-school. It was observed (1) among the educators: the different games applied according to gender; how tolerant the teachers were regarding to boys bad behavior; vigilance against the homosexuality and constant motivation to female vanity and beauty. (2) Among the children: sexist stereotypes; manifestations of racism and prejudice; curiosity and interest about the body and sexuality and the use of insulting words concerning body beauty. The teacher education discussed theoretical and practical issues about the development of the sexuality in the childhood and the sexual education of their students. The project observed that a sexual education project can be put into practice in a pedagogical and ethical way in a pre-school environment.; A sexualidade infantil é um tema polêmico entre educadores de pré-escolas. Este texto descreve um projeto de extensão que observou a manifestação da sexualidade de crianças em uma pré-escola e interveio oferecendo um espaço de diálogo...

Os homens preferem as (piadas de) loiras : analise interdiscursiva de piadas de loira e de piadas feministas; Men prefer (jokes about) blonder : interdiscursive analysis of bimbo jokes and feminist jokes

Gisele Maria Franchi
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 19/02/2010 Português
Relevância na Pesquisa
18.606587%
Com base na análise do discurso (MAINGUENEAU, 1984:2005a, 1998:2008, 2006a), nas principais teorias do humor (BERGSON, 1900:1993; FREUD, 1905:1996; RASKIN, 1985), na literatura sobre a mulher e em trabalhos na literatura sobre o feminismo (RAGO, 2003) e sobre a identidade do homem contemporâneo (NOLASCO, 1995), analisa-se a circulação, em um conjunto de piadas, de uma representação do feminino. O corpus da pesquisa constitui-se das chamadas "piadas de loira", bem como de piadas ditas "feministas". O objetivo é analisar a relação interdiscursiva que constitui e atravessa o posicionamento machista (que se descobriu nas piadas de loira) e o posicionamento feminista. As análises mostram que estereótipos presentes em ambos os conjuntos de piadas podem ser compreendidos como um processo em que o Outro é traduzido a partir do Mesmo, sob a forma de um simulacro. Além disso, evidenciam o fato de que as conquistas sociais e profissionais que as mulheres vêm obtendo principalmente nas últimas décadas refletem-se também no plano discursivo: não há mais um ponto de vista assimétrico, em que a mulher era representada apenas segundo a tradução feita pelo posicionamento machista. No espaço discursivo, posicionamento machista e posicionamento feminista interagem de maneira conflituosa...

Perform(atividade) na escola

Silvestrin, Julia Mara Pegoraro
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: 113 p.| ils., tabs.
Português
Relevância na Pesquisa
17.730273%
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Desportos, Programa de Pós-Graduação em Educação Física, Florianópolis, 2014.; Nas aulas de Educação Física, as práticas corporais e os discursos sobre elas podem (re)produzir estereótipos de feminilidades e masculinidades e dessa forma reiterar um regime de heteronormatividade. Neste regime apenas alguns sujeitos são inteligíveis, a enquanto outros se relega a abjeção. Ao levarmos em conta que os corpos, os gestos, as sexualidades são construídas historicamente, utilizo neste trabalho gênero como categoria de análise destes processos históricos que empregam diferenças anâtomo-fisiológicas para explicar desigualdades sociais. Para discutir estas questões, a presente pesquisa teórica traz três fontes de informação: as propostas curriculares para a Educação Básica dos estados do Paraná e do Rio Grande do Sul (disciplina de Educação Física para 5ª série do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio); relatos de práticas docentes já publicados na literatura da área e minhas experiências profissionais, registradas em diários de campo e narrativa autobiográfica. A análise é focada na perspectiva da performatividade de gênero...

Representação da mulher nas grandes produções de Hollywood

Rodrigues, Rúben Gouveia
Fonte: Instituto Universitário de Lisboa Publicador: Instituto Universitário de Lisboa
Tipo: Dissertação de Mestrado
Publicado em //2013 Português
Relevância na Pesquisa
28.558774%
Dissertação submetida como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre em Sociologia; Questões de género constituem um vasto campo de análise em sociologia. A posição e o papel das mulheres na sociedade é uma das questões mais debatidas aí. Assistiu-se nas últimas décadas à progressiva libertação da mulher face aos limites que lhe eram impostos, uma evolução registada sobretudo nas sociedades ocidentais. Porém, ela ainda continua a enfrentar obstáculos. Os preconceitos e estereótipos, nomeadamente estereótipos de género, que rodeiam a sua figura, retardam o progresso. Estes estereótipos e outras noções prejudiciais foram sendo propagados ao longo dos séculos, sendo que os mass media, como a televisão, a imprensa escrita ou o cinema, foram e continuam a ser agentes responsáveis nessa propagação, e na reprodução e manutenção de crenças sexistas. Esta investigação analisa a temática da representação da mulher nas grandes produções de Hollywood, os denominados blockbusters. Para os efeitos, a metodologia da pesquisa consistiu na análise de 18 filmes, num período compreendido entre a década de 1970 e a década atual. O objetivo passou por avaliar quais as imagens e representações das mulheres a que assistimos aí...

Escala de crenças sobre violência sexual (ECVS)

Martins, Sonia; Machado, Carla; Gonçalves, Rui Abrunhosa; Manita, Celina
Fonte: ISPA - Instituto Universitário Publicador: ISPA - Instituto Universitário
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em //2012 Português
Relevância na Pesquisa
17.730273%
A incorporação e partilha das concepções culturais dominantes acerca da sexualidade, da violência, da violação e de outras formas de violência sexual têm consequências tanto para a vida dos indivíduos como para a vida em sociedade. Atitudes sexistas e crenças legitimadoras da violação têm consistentemente sido associadas com uma maior probabilidade de agressão e violência sexual. As atitudes face à violência sexual parecem também estar associadas com os papéis tradicionais de género, sobretudo os que se prendem directamente com o comportamento sexual. A ECVS mede o grau de tolerância/aceitação do sujeito quanto ao uso de violência desta natureza. Quanto mais elevada for a pontuação total da escala, mais elevado será o grau de tolerância/aceitação do sujeito quanto ao uso de violência sexual. A ECVS foi administrada a uma amostra nacional de 1000 estudantes universitários, analisando-se as suas características psicométricas. A análise factorial de componentes principais (com rotação varimax) permitiu obter cinco factores. A consistência interna da escala, obtida através do coeficiente alpha de cronbach, é de 0.91. Discutem-se as implicações dos resultados obtidos, quer em termos da análise da capacidade da ECVS para detectar atitudes e crenças associadas com a violência sexual...

Gender and Ethnicity Differences in HIV-related Stigma Experienced by People Living with HIV in Ontario, Canada

Loutfy, Mona R.; Logie, Carmen H.; Zhang, Yimeng; Blitz, Sandra L.; Margolese, Shari L.; Tharao, Wangari E.; Rourke, Sean B.; Rueda, Sergio; Raboud, Janet M.
Fonte: Public Library of Science Publicador: Public Library of Science
Tipo: Artigo de Revista Científica
Publicado em 27/12/2012 Português
Relevância na Pesquisa
27.730273%
This study aimed to understand gender and ethnicity differences in HIV-related stigma experienced by 1026 HIV-positive individuals living in Ontario, Canada that were enrolled in the OHTN Cohort Study. Total and subscale HIV-related stigma scores were measured using the revised HIV-related Stigma Scale. Correlates of total stigma scores were assessed in univariate and multivariate linear regression. Women had significantly higher total and subscale stigma scores than men (total, median = 56.0 vs. 48.0, p<0.0001). Among men and women, Black individuals had the highest, Aboriginal and Asian/Latin-American/Unspecified people intermediate, and White individuals the lowest total stigma scores. The gender-ethnicity interaction term was significant in multivariate analysis: Black women and Asian/Latin-American/Unspecified men reported the highest HIV-related stigma scores. Gender and ethnicity differences in HIV-related stigma were identified in our cohort. Findings suggest differing approaches may be required to address HIV-related stigma based on gender and ethnicity; and such strategies should challenge racist and sexist stereotypes.

"E o prêmio vai para...": os estereótipos de gênero nos livros infantis premiados na última década

Botton, Andressa
Fonte: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre Publicador: Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Porto Alegre
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
18.414116%
Esta dissertação é fruto do interesse em problematizar o binarismo sexual baseado no determinismo biológico que define que ou se nasce menina/mulher, ou menino/homem, tendo, nesses dois pólos, universos antagônicos e excludentes um em relação ao outro. Além disso, desde a infância, são ensinados modos de exercer as ditas masculinidades e feminilidades, baseando-se em construções sociais sexistas e patriarcais de acordo com o sexo e o seu gênero correspondente. Nossa pesquisa tem como enfoque o estudo das teorias de gênero feministas, num viés pós-estruturalista de análise. Para isso, optando por focar nossas problematizações na infância, propusemos uma análise de dez livros infantis premiados na última década pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), objetivando compreender como as questões de gênero são mostradas nessas obras e se/como contribuem para a manutenção dos estereótipos de gênero e posteriores atitudes de submissão das mulheres em relação à dominação masculina. Através da realização da Análise de Discurso dos textos desses livros e da Análise Semiótica de Imagens Paradas das ilustrações existentes neles, percebemos que os estereótipos de gênero tradicionais ainda estão muito presentes...

A performatividade do gaydar no livro “Cuidado! seu príncipe pode ser uma Cinderela. Guia prático para identificar um gay no armário”; The performativity of gaydar in the book "Watch out! your prince charming may be a Cinderella. A pratical guide to iden-tify a gay in the closet"

Neves Júnior , Mário Martins
Fonte: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Letras e Linguística (FL); Faculdade de Letras - FL (RG) Publicador: Universidade Federal de Goiás; Brasil; UFG; Programa de Pós-graduação em Letras e Linguística (FL); Faculdade de Letras - FL (RG)
Tipo: Dissertação Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
17.730273%
The word gaydar has been known as a sort of “radar” which is able to identity or single out gays. Many people argue they possess this so-called “sixth sense” as they label one as gay”. The self-help book Cuidado! Seu Príncipe poder ser uma Cinderela. Guia prático para identificar um gay no armário [“Watch out! Your Prince charming may be a Cinderella. A practical guide to identify a gay in the closet”] aims to help women to out their partners. Our work, thus, is a result of a bibliographical research which sought to identify and criticize the identitary elements used by the authors in order to teach women how to perceive if their partners are gays in the closet. As analyzing the book we mainly concluded that: a) in order to validate their standpoints, the authors have employed a polyphonic discourse based upon either the “experience” or the “authority”. The book has been written with their voices (the authors‟) as well as Sofia‟s and W‟s, and with other participants‟; b) they obsessively have a passion for identifying one as gay through gender elements or stereotypes. Therefore we argue that the book considers hegemonic masculinity as a synonym for heterosexuality. Men who perform counter-hegemonic masculinity may be trapped in the closet...

Representações discursivas sobre crianças e adolescentes envolvidas em denúncias de violência sexual: do silêncio à exclusão

Rocini, Maria da Silva
Fonte: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul Publicador: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Tipo: Dissertação de Mestrado
Português
Relevância na Pesquisa
18.305354%
Esta pesquisa justifica-se com base na emergência dos crescentes casos de violência sexual contra crianças e adolescentes. Temos como hipótese que a violência sexual na sociedade provém do machismo dos sujeitos que exercem a violência e da vergonha e receio das denunciantes, que, temerosas dos possíveis estereótipos estabelecidos pela sociedade, acabam por silenciar-se. Este trabalho visa interpretar as possíveis relações de poder, as formas do silêncio e efeitos de sentido e de verdade que emergem dos relatos de sujeitos denunciantes e acusados, envolvidos em denúncias de violência sexual, bem como analisar as representações desses sujeitos por meio dos posicionamentos discursivos relatados pelo escrivão. Para isso, foram selecionados seis autos de informação e analisados vinte e quatro recortes sobre violência sexual, recolhidos na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher da cidade de Três Lagoas-MS. As perguntas de pesquisa a que se busca responder são: Quais as posições discursivas dos sujeitos envolvidos nas denúncias? Como são instauradas as relações de poder nos relatos à autoridade? Há silenciamentos? Quais são as condições de verdade? De que modo se manifestam o machismo e a exclusão social nessas denúncias? A análise focalizou especialmente as representações sobre os sujeitos-declarantes de violência sexual...

Análisis de los estereotipos sexistas en una muestra de estudiantes de Ciencias de la Educación

Padilla Carmona, Teresa; Sánchez García, Manuel; Martín Berrido, Mercedes; Moreno Sánchez, Emilia
Fonte: Universidade de Múrcia Publicador: Universidade de Múrcia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
27.730273%
Con esta investigación se pretende conocer las concepciones que nuestro alumnado de CC. de la Educación tiene sobre el hombre y la mujer, a fin de detectar si existen estereotipos sexistas en las mismas. Se ha aplicado un cuestionario, consistente en diferentes listados de adjetivos (características cognitivas, socio-afectivas y de roles y relaciones en el aula) a 437 sujetos. Los datos han sido analizados a través de diferentes técnicas: comparación de la frecuencia de atribuciones de cada adjetivo a uno u otro sexo con el número de atribuciones esperable por azar, a fin de determinar la tendencia a asociar ciertos adjetivos con un sexo; análisis de correspondencias múltiples, para comprobar cómo se agrupan los adjetivos considerados; análisis cluster, para clasificar a los sujetos en función de sus opiniones. Los resultados finales apuntan a la existencia de opiniones estereotipadas en un porcentaje considerable de caso.; The purpose of this work is to analyze the students of Sciences of Education concepctions about man and woman, in order to detect the existence of possible sexist stereotypes. A questionnaire -composed by several adjectives lists (cognitive, socio-affective and rolls and relationships in classroom characteristics)- has been applied to 437 participants. Data have been analysed through different techniques: count of frequency in which each adjective is assigned to one sex or another...

Análisis del sexismo en la publicidad; Análisis del sexismo en la publicidad

Espín López, Julia Victoria; Marín García, María Angeles; Rodríguez Lajo, Mercedes
Fonte: Universidade de Múrcia Publicador: Universidade de Múrcia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
39.620464%
This article present a research based in the analysis of stereotypes and sexist bias displayed in newspapers and television publicity. The aim is broach the models of woman present in this kind of advertise.In order to develop this study has been necessary to elaborate and validate instruments for the analysis of sexis stereotypes and prejudgements in publicity. The study begin with a theoretical base where a summary of different studies done in this fild with their most relevant conclussions is presented, as well as, is include an enumeration of the stereotypes and sexist bias that contribute to our study as analysing criterias. The presentation of methodology and phases of this research lead to a summary of the result gained though the analysis done. Finalyy this article conclude with the presentation of the different models of women displayed by actual publicity.; En este artículo se presenta la investigación realizada sobre el análisis de estereotipos y sesgos sexistas en la publicidad en dos medios de comunicación: prensa escrita y televisión con la finalidad de analizar los modelos de mujer presentes en los anuncios publicitarios. Para llevar a cabo el estudio ha sido necesaria la elaboración y validación de instrumentos de análisis de estos estereotipos y sesgos sexistas.Se parte de una fundamentación teórica donde se resumen los estudios realizados en este ámbito y las conclusiones más significativas que aportan...

Resultados de la investigación "Publicidad y Sexismo: La mirada crítica del alumnado universitario"; Resultados de la investigación "Publicidad y Sexismo: La mirada crítica del alumnado universitario"

Espín López, Julia V.; Folgueiras Bertomeu, Pilar; Massot Lafon, Mª Inés; Rodríguez Lajo, Mercedes; Rodríguez Moreno, Mª Luisa; Sabariego Puig, Marta; Vilá Baños, Ruth
Fonte: Universidade de Múrcia Publicador: Universidade de Múrcia
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: application/pdf
Português
Relevância na Pesquisa
28.79196%
Normal 0 21 false false false MicrosoftInternetExplorer4 <!-- /* Style Definitions */ p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal {mso-style-parent:""; margin:0cm; margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:12.0pt; font-family:"Times New Roman"; mso-fareast-font-family:"Times New Roman";} @page Section1 {size:595.3pt 841.9pt; margin:70.85pt 3.0cm 70.85pt 3.0cm; mso-header-margin:35.4pt; mso-footer-margin:35.4pt; mso-paper-source:0;} div.Section1 {page:Section1;} --> /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabla normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin:0cm; mso-para-margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:10.0pt; font-family:"Times New Roman"; mso-ansi-language:#0400; mso-fareast-language:#0400; mso-bidi-language:#0400;} This work is the result of two researches finances by the Institut Català de les Dones (Woman catalan Institute) developed by GREDI/DONA Group from 2002 to 2003, focused on the identification of sexist bias at the advertising and at the mass media. The conclusions obtained with these researches allowed to confirm need to prepare didactic equipment for helping young people to develop their critical judgment and sensitize them towards the gender fairness. The aim of the research developed in 2005 has been creating and validating a formative maodule for the university students. The fight for a peer society require...

La representaci??n axiol??gica del g??nero y la orientaci??n sexual en libros de texto de ingl??s para Secundaria

Guijarro Ojeda, Juan Ram??n
Fonte: Universidad de Granada Publicador: Universidad de Granada
Tipo: Artigo de Revista Científica
Português
Relevância na Pesquisa
17.730273%
En este art??culo estudiamos los valores que transmite una selecci??n de libros de texto de ingl??s para secundaria en relaci??n al g??nero y a la orientaci??n sexual. El objetivo principal que perseguimos con este trabajo es llamar la atenci??n sobre el rol central que juegan los libros de texto en la transmisi??n y perpetuaci??n de los estereotipos sociales relacionados con los par??metros se??alados anteriormente. Para llevar a cabo nuestro estudio hemos seleccionado cinco libros de texto de Educaci??n Secundaria que se utilizan actualmente para la ense??anza del ingl??s como lengua extranjera. Los manuales corresponden a cinco editoriales diferentes, para ofrecer una amplia perspectiva sobre los valores transmitidos en relaci??n con estas variables. De la descripci??n y an??lisis del corpus seleccionado obtendremos una serie de conclusiones acerca del tratamiento dado a la transversalidad, a la diversidad y a las diferencias intr??secas a la otredad1. Podremos constatar as??, si se transmiten valores sexistas, heterosexistas u hom??fobos, bien sea de forma manifiesta o latente.; In this paper we analyse a series of EFL textbooks for Secondary School according to gender and sexual orientation axiological parameters. With this article we aim at focusing on the central role textbooks play in the transmission and perpetuation of social stereotypes related to identities. To carry out this research we have selected five textbooks which are currently being used in Spain in Secondary Education. These coursebooks have been edited by five different publishing houses to offer a wide perspective on otherness-related values. After describing and analyzing the corpus...

Análise do discurso humorístico : condições de produção das piadas de Joãozinho = Analysis of speech humorous : conditions of production of little Johnny jokes; Analysis of speech humorous : conditions of production of little Johnny jokes

Fernanda Góes de Oliveira Ávila
Fonte: Biblioteca Digital da Unicamp Publicador: Biblioteca Digital da Unicamp
Tipo: Dissertação de Mestrado Formato: application/pdf
Publicado em 30/07/2012 Português
Relevância na Pesquisa
17.730273%
O objetivo central deste trabalho é a análise de um corpus constituído por um conjunto de "piadas de Joãozinho". Neste material, queremos avaliar, tendo como base teórica a Análise do Discurso francesa, quais são suas condições de produção, procurando compreender as razões histórico-sociais e a representação masculina estereotipada nesse material. A finalidade dessa análise é verificar a ideologia machista presente nas piadas de Joãozinho: a construção da masculinidade a partir da transgressão de regras sociais. O que nos parece relevante neste tema são as seguintes questões: "Por que se faz humor sobre a relação entre professor e aluno?"; "Por que nessas piadas os meninos são postos como maus alunos?"; "Por que nesse discurso o professor é ridicularizado?"; "Em que medida o que se fala nas piadas representa 'verdades'?"; "Quais são os gatilhos linguísticos que tornam essas questões motivo de riso?". Na tentativa de elucidar as questões acima apresentadas, nosso arcabouço teórico é constituído principalmente pela literatura sobre o humor (Freud, 1905; Bergson, 1900; Propp, 1976; Raskin, 1985; Bakhtin, 1987; e Possenti, 1998), sobre a escola (Carvalho 2001, 2003; Menandro e Souza, 2010) e, especialmente...

Gender equity in physical education: The use of language

Andrés,Óscar del Castillo; Granados,Santiago Romero; Ramírez,Teresa González; Mesa,María del Carmen Campos
Fonte: Universidade Estadual Paulista Publicador: Universidade Estadual Paulista
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
18.179045%
This study analyzed Spanish teachers' behavior and the transmission of gender stereotypes. We observed 48 physical education lessons given by four Spanish teachers (two men and two women). Descriptive codes, which were generated iteratively, were clustered, categorized, integrated, recoded, and re-categorized. They allowed us to identify four major themes related to the transmission of gender stereotypes of teachers: male generics, stereotyped expressions, nominative attention, and priority order. We used a coding sheet as well as audio and video recordings to register the categories. The Kruskal-Wallis test produced significance levels lower than .05, resulting in the rejection of the null hypothesis. Sexist behavior was found in the male generics, nominative attention, and priority order. However, we found no difference in stereotyped expressions.

Sexist stereotypes and biases associated with the female nursing model in advertising communication

Calvo-Calvo,Manuel-Ángel
Fonte: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem Publicador: Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós Graduação em Enfermagem
Tipo: Artigo de Revista Científica Formato: text/html
Publicado em 01/09/2014 Português
Relevância na Pesquisa
49.74604%
In the media, gender stereotypes and biases appear that transmit a sexist representation of women. The aim of this study was to know the sexist stereotypes and biases that are projected on female nurses in advertising campaigns and to identify the characteristics of the female nurse model shown in advertising. A qualitative study was performed on four campaigns featuring female nurses in white dresses and caps, using descriptive and inferential content analysis. Conclusions show that female nurses appearing in advertising transmit both sexist stereotypes (female profession, gentleness, lack of control, strong affectivity, frivolousness, passivity, submissiveness, commitment to basic care, merely sexual and aesthetic value) and sexist biases (androcentrism and double standards). In particular, advertising propagates the model of the seductive nurse, depicted as a young, attractive, sensual and defiant woman that is used merely as a decorative presence.

Representações sociais de gênero em crianças: uma experiência no ensino fundamental

Langamer, Stefany Ferreira
Fonte: Universidade Católica de Brasília Publicador: Universidade Católica de Brasília
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso Formato: Texto
Português
Relevância na Pesquisa
18.305354%
As desigualdades nas relações de gênero tem como pano de fundo as representações sociais destinadas ao que é ser feminino e masculino. A construção das representações de gênero é um processo que acontece dentro das mais diversas interações do indivíduo com o meio. Sendo a escola um dos meios onde acontecem interações intensas e constantes, faz-se necessário compreender como esta instituição contribui para a formação e consolidação dos estereótipos de gênero, ou seja, das Representações Sociais de gênero. A partir dessa discussão, esse trabalho teve por objetivo identificar as Representações Sociais de gênero existentes em crianças, discutir os métodos vigentes de ensino e propor alternativas que se mostrem menos sexistas, de forma a contribuir para transformar a cultura. Os sujeitos da pesquisa foram crianças, com idade entre 6 e 7 anos, estudantes do 1o ano do ensino fundamental da Escola Classe No 02 da cidade de Candangolândia, Distrito Federal. Para a análise dos dados fez-se uso da Teoria das Representações Sociais de Moscovici e da Teoria Feminista. Os resultados sugerem que as crianças já possuem internalizadas as representações sociais de gênero, indicando as expressões corporais e comportamentos socialmente “adequados” para cada gênero. Pode-se perceber também como a escola produz práticas naturalizadas que fazem parte do processo de formação dos indivíduos e acabam por criar ações sexistas. Ambas as conclusões são indicadores da manutenção das ações violentas entre os gêneros.; Inequalities in gender relations has the backdrop of the social representations which is intended to be feminine and masculine. The construction of gender representations is a process that occurs within several individual's interactions with the environment. Being one of the school environments where interactions take place intense and constant...